HOME VÍDEOS NOTÍCIAS CARDS METEOROLOGIA FOTOS COMENTÁRIOS

Na B3, vencimento Dezembro/19 para o boi gordo encerra a 6ª feira a R$ 194,50/@

Publicado em 08/11/2019 17:11 e atualizado em 09/11/2019 05:26
664 exibições

Os contratos futuros para o boi gordo finalizaram a sessão desta sexta-feira (08) com campo negativo na Bolsa Brasileira (B3). O vencimento novembro/19 finalizou com um ganho de 1,63% e cotado a R$  187,00/@, enquanto, o contrato Dezembro/19 está precificado a R$ 194,50/@ e com uma valorização de 1,57%. O Janeiro/20 registrou uma alta de 0,80% e está ao redor de R$ 195,15/@.

No mercado interno, as programações de abate estão estagnadas praticamente desde 24-25/out. “Os preços de balcão seguiram em alta durante esta semana com a competição por boiadas prontas e prêmios firmes para o boi China”, apontou a Radar Investimentos.

Veja mais:

>> Boi Gordo, por Radar Investimentos: As programações de abate estão estagnadas

De acordo com o a consultoria Agrifatto, as escalas de abate trabalham mais encurtadas em boa parte das praças analisadas. “São Paulo, Mato Grosso e Minas Gerais estão com as programações de abate em 5,0, 4,0 e 3,5 dias úteis, respectivamente. A exceção ocorre em Goiás, que demonstra maior conforto em comparação as outras regiões, girando em torno de 7 dias úteis”, ressaltou em seu boletim diário.

Em entrevista ao Notícias Agrícolas, o analista da Agrifatto, Gustavo Rezende Machado, o mercado do boi gordo segue firme tanto no físico quanto no futuro. “O contrato de Outubro/20 pagou essa semana acima dos R$ 200,00/@ e esse patamar era muito esperado. Esse cenário altista se deve a oferta ainda restrita de animais e também pelo o aumento da participação de compras chinesas”, comenta.

Assista:

>> Frigoríficos seguem repassando alta do boi e mantendo rentabilidade positiva o que dá fôlego para novas elevações

Como a oferta no atacado é também restrita decorrente da irregularidade dos abates diários juntos aos frigoríficos, a tendência é de alta dos preços dos principais cortes bovinos, garantindo uma leve recuperação das margens operacionais das indústrias que concentra força para repasse de custos, destacou a Informa Economics FNP.

Segundo o levantamento da Scot Consultoria, o mercado registrou um ritmo de negócios maiores nesta sexta-feira. A cotação do boi gordo subiu R$2,00/@ em São Paulo e, está em R$179,00/@, à vista, sem desconto. Com desconto do Senar, o preço de referência está em R$178,50 e com desconto do Funrural e Senar a referência está em R$176,50/@.

“A expectativa é de que o mercado comece a semana que vem firme. A própria sazonalidade de demanda na segunda quinzena é mais sutil em novembro e dezembro, já que temos o efeito das contratações temporárias e a primeira parcela do décimo terceiro salário”, informou a Scot.

Leia mais:

>> Nem a sexta-feira acalmou o mercado do boi gordo, por Scot Consultoria

Confira como ficaram as cotações para o Boi Gordo nesta sexta-feira:

>> BOI

Tags:
Por: Andressa Simão
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário