Carne bovina Mato-Grossense ganha visibilidade e competitividade no mercado externo, aponta IMEA

Publicado em 05/07/2022 00:06 e atualizado em 05/07/2022 10:46
O aumento da demanda tem influenciado  para o maior valor agregado do produto no mercado externo

Logotipo Notícias Agrícolas

Após o estado do Mato Grosso investir em qualidade e questões sanitárias, a carne bovina vem conquistando mais visibilidade do mercado internacional. Segundo informações do  Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (IMEA), o aumento da demanda tem influenciado  para o maior valor agregado do produto no mercado externo.

“O preço médio da carne comercializada no mercado externo foi 20,19% superior à precificação da carne bovina no mercado interno em Maio/22. A variação do câmbio também influenciou para essa conjuntura e o preço ficou na média de R$ 24,70/kg (+9,46% ante a abr.22)”, apontou o instituto. 

Por outro lado, no mercado interno o cenário foi de pressão na cotação média do atacado, devido à menor  absorção do consumidor final frente aos preços elevados da proteína. Nesse sentido, o indicador ficou na média de R$ 19,71/kg, -3,67% em maio 22 e abril 22.  

Com relação aos preços negociados para os animais, o instituto destacou que o movimento de retenção de oferta se manteve no estado e isso resultou no aumento do preço da arroba do boi gordo em 2,96% ante a semana passada.

Acompanhando os preços dos machos, o preço médio da vaca gorda registrou valorização de 3,03% no comparativo semanal. A oferta seguiu mais restrita que a dos machos em Mato Grosso.

Diante de um mercado de reposição pouco movimentado, o bezerro de ano desvalorizou 2,36% ante a semana passada, ficando em R$ 2.751,70/cab.

Confira o relatório completo Aqui

Por:
Andressa Simão
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário