Análise de mercado do boi gordo

Publicado em 07/01/2009 21:07 1091 exibições

Maria Gabriela O Tonini
médica veterinária

Scot Consultoria

 

 

 

Mercado firme na maior parte das praças.

 

Em São Paulo as compras fluíram melhor ontem e as escalas aumentaram alguns dias. Com isso, muitos frigoríficos baixaram as ordens de compra ou saíram do mercado. Mas o preço do boi gordo se mantém firme, uma vez que não saem negócios nos valores mais baixos oferecidos recentemente.

 

Assim como ocorre em São Paulo, existe tentativa de recuo nas cotações no Mato Grosso do Sul.

 

Já no Mato Grosso, em função da oferta pequena (além de existirem poucos animais prontos para o abate, os pastos bons permitem a calma na negociação), as cotações subiram novamente. O boi gordo chegou a R$74,00/@, a prazo, para descontar o funrural em Barra do Garças, no Norte e no Sudoeste do Estado, e a R$75,00/@ em Cuiabá, nas mesmas condições. Por conta da dificuldade de compra, os preços das vacas também subiram.

 

Depois de alguns recuos, o preço voltou a subir no Oeste da Bahia. Hoje se negocia o boi gordo nesta região de R$75,00/@ a R$82,00/@, a prazo, livre do funrural, dependendo do animal e do frigorífico.

 

Os preços subiram também no Paraná, Pará (Paragominas), Rondônia e Tocantins.

 

No mercado atacadista, as cotações seguem estáveis.



Fonte: Scot Consultoria
Tags:
Fonte:
Scot Consultoria

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário