Safra registra crescimento de 21,5% na receita com exportações de café

Publicado em 04/04/2012 16:02 357 exibições
A receita com as exportações de café brasileiras apresentou um crescimento de 21,5% nos nove meses da safra 2011/2012 (jul-11/mar-12) se confrontada com o mesmo período da safra anterior, atingindo US$ 6,441 bilhões. As informações são do Balanço das Exportações divulgado hoje pelo CeCafé (Conselho dos Exportadores de Café do Brasil).

O mês de março de 2012 registrou uma queda de 16,3% na receita em relação ao mesmo período de 2011, ficando em US$ 549,883 milhões. O volume exportado também apresentou uma redução de 19,8% se comparado a março do ano passado, totalizando 2.189.511 sacas, refletindo a menor disponibilidade por conta da safra menor e do período de entressafra.

“Nesses três primeiros meses de 2012, destaca-se um volume de embarques da ordem de 1,753 milhão de sacas de cafés arabicas diferenciados (de alta qualidade), mostrando um expressivo crescimento nas vendas de cafés com valor agregado, com preço médio de US$ 315.66 por sacas. o que representa 32,3% do total da receita com as exportações de café. Esse percentual, que poderá ser ainda maior, aliado à manutenção dos preços do produto, refletirá positivamente na receita anual, além de significar um incremento da renda do produtor" .

Levando em conta a qualidade do café, o relatório mostra que nos três primeiros meses deste ano 86,9% do produto exportado foi da variedade arábica, 10,3% de solúvel, 2,6% de robusta e 0,2% de torrado & moído.

O Balanço das Exportações também aponta que, no período de janeiro a março, a Europa foi o principal mercado importador e adquiriu 56% do total embarcado do produto brasileiro, a América do Norte respondeu pela compra de 21% do total de sacas exportadas, a Ásia por 17% e a América do Sul por 3%.

Segundo o levantamento, no primeiro trimestre de 2012 a Alemanha liderou a lista de países importadores, com 1.258.425 sacas (19% do total exportado), seguida pelos EUA, com 1.243.162 (19% do total) e a Itália, com 666.112 (10%). No quarto lugar está a Bélgica, com 483.509 sacas (8% do total) e finalmente o Japão, ocupando a quinta posição, com 481.128 sacas (7% do total).

No mês de março, as principais vias de exportação do café foram o porto de Santos, que embarcou 77,4% do produto (5.061.921 sacas), o porto de Vitória, que escoou 12,5% do total (819.771 sacas) e o porto do Rio de Janeiro, de onde saíram 7,7% do total (500.821 sacas).

Tags:
Fonte:
Cecafé

0 comentário