Café: Mercado fecha com 300 pontos de queda em NY

Publicado em 06/05/2014 18:06 574 exibições

Depois de mais uma sessão marcada pela volatilidade, o café arábica encerrou esta terça-feira (7) em baixa, com queda de 285 a 300 pontos para os contratos de entrega mais próxima. 

O vencimento maio perdeu o patamar dos US$ 2,00 e encerrou o dia valendo 199,55 centavos de dólar por libra-peso, depois de perder 285 pontos. O contrato julho fechou em 202,25 cents / dólar por libra-peso, com queda de 300 pontos e dezembro perdeu 285 pontos, fechando em 206,95 cents por libra-peso.

O presidente do Conselho Regional de Café da região de Guaxupé-MG, Fernando Barbosa, afirma que não há qualquer mudança de cenário que possa ter ocasionado as queda nas cotações de hoje, já que a previsão para a safra brasileira continua pessimista e as regiões produtoras seguem sem previsão de chuvas. Por outro lado, os ganhos registrados na sessão de ontem podem ter estimulado um movimento de realização de lucros hoje. 

Segundo informações da trader sul-africana I&M Smith, os números oficiais sobre as exportações de café do Vietnã, que produz a variedade robusta (conilon), ainda não foram divulgados, mas a expectativa é que fiquem na ordem de 3,67 milhões de sacas, o que representa um bom volume para o período. Já alguns traders estimam um volume menor, em torno de 2,5 mi de sacas. Além disso, analistas estimam que o país ainda tem 40% da safra anterior armazenada.   

No mercado doméstico, o café tipo 6, bebida dura, também teve queda. Em Espírito Santo do Pinhal-SP, a saca de 60 kg é negociada a R$ 460,00, depois de uma queda de 2,13%. Em Patrocínio-MG a queda foi de 2,08% e a saca vale R$ 470,00.

Tags:
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário