Café: mercado inicia com forte queda em NY mas já busca reversão de tendência

Publicado em 27/05/2014 10:44 597 exibições

O café arábica negociado na bolsa de Nova Iorque registra cotações em queda na manhã desta terça-feira(27). Por volta das 10h40 (Brasília) Os contratos 
com vencimento em julho/2014 operavam a 181,15 centavos de dólar por libra-peso, decréscimo de 75 pontos em relação ao fechamento anterior. Setembro/2014 operava a 183,95 centavos de dólar por libra-peso, desvalorização de 30 pontos e dezembro/2014 recuava 35 pontos cotado a 187,15 centavos de dólar por libra-peso. Apesar de negativo, mercado busca recuperação já que no pior momento da sessão o contrato julho chegou a perder mais de 400 pontos em relação ao fechamento da última sexta-feira(23).

Nesta segunda-feira (260 , com os feriados internacionais, as bolsas não funcionaram . Segundo Marcus Magalhães da Maros Corretora, a terça-feira passa por um comportamento corretivo nas bolsas internacionais já que tecnicamente o cenário avaliza esta expectativa. No lado fundamental, temos uma paradeira enorme nas praças de comercialização ao redor do Brasil o que deixa um sentimento no ar de que o setor produtivo só deverá voltar as rodas de negociações, quando os preços forem convidativos. " Fora isso, tudo indica, que a mesmice deverá prevalecer e a sensação de vazio, reinar".

Com relação ao possível leilão dos estoques oficiais de café anunciadas na semana passada, eles foram descartados pelas autoridades, já que ninguém do setor produtivo foi consultado e assim, não houve aval do setor café, para a medida totalmente descabida anunciada.

Com relação as colheitas no Brasil, elas continuam em ritmo lento e desta forma, inibe qualquer tentativa de se colocar uma avalanche de café no mercado. "Com isso, o mercado interno do café, independente de dólar ou bolsa, não tem liquidez", avalia Magalhães. 
.


 

Tags:
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário