Café em alta busca recuperar valores perdidos na última semana em NY

Publicado em 18/07/2014 09:32 445 exibições

A manhã desta sexta-feira (18) para as cotações do café arábica na Bolsa de Nova Iorque (Ice Futures US) segue positiva, repetindo a tendência do dia anterior, que apresentou altas em torno de 140 pontos. O vencimento setembro trabalha às 9h08 (horário de Brasília) a 164,65 centavos de dólar por libra-peso. Dezembro sobe 70 pontos e anota 168,40 cents/libra-peso. Março/2015 cresce 125 pontos e vale 172,40 cents/libra-peso e maio/2015 segue com 173,30 cents/libra-peso.

Se confirmada alta nesta sessão, o mercado continua com o panorama de recuperação dos valores perdidos na última semana, quando chegou a preços mais baixos desde fevereiro. Apesar disso, analistas acreditam que o mercado vai apresentar bastante volatilidade ainda neste mês, por conta da falta de novas informações sobre o volume da safra brasileira. Os compradores também estão em férias de verão nos Estados Unidos e relativamente abastecidos e os vendedores não pressionam as vendas, buscando negociações mais lucrativas.

Um cenário que pode movimentar o mercado na próxima semana é a chegada de uma massa de ar polar que deve derrubar consideravelmente as temperaturas na região sudeste do Brasil. Os próximos dias podem, inclusive, registrar a madrugada mais fria do ano. Mesmo com índices mais baixos, o clima segue sem potencial de geadas. 

Veja como fechou a sessão de ontem:

Café: saldo positivo em NY após sessão de muita volatilidade

Muita volatilidade no mercado de café arábica nesta quinta-feira (17), na Bolsa de Nova Iorque (Ice Futures US). Os índices começaram do lado negativo da tabela, passaram a mistos e encerram em saldos positivos. A mínima para setembro anotou 161,20 centavos de dólar por libra-peso, enquanto a máxima chegou a 165,50 cents/libra-peso, indicando diferença de 430 pontos. 

Os contratos com entrega para setembro tiveram alta de 135 pontos e fecharam em 163,85 cents/libra-peso. O vencimento dezembro registrou 167,70 centavos/libra-peso. Março/2015 e maio/2015 subiram 145 pontos, para 171,15 cents/libra-peso e 173,30 cents/libra-peso respectivamente. 

Segundo analistas de mercado, as altas para o café arábica são uma tendência, apesar de ter registrado, na última quinta-feira (10), preços mais baixos desde fevereiro. “Nós tínhamos a impressão de que o mercado ia construir um fundo na média de U$1,70 e em médio prazo dar uma esticada altista, só que ele caiu mais um pouco”, explicou Gil Barabach, analista do Safras & Mercado.

Gil acredita que a volatilidade está grande, porque no momento os compradores estão em férias de verão nos Estados Unidos e as indústrias abastecidas. Porém novidades podem agitar o mercado a partir do próximo mês. “As incertezas sobre a produção 2015 e um “susto” de abastecimento caso a quebra na próxima safra seja confirmada podem mudar esse cenário”, disse ele.

O analista chama atenção também para indícios de mudanças climáticas no segundo semestre deste ano. Notícias de que o El Niño chegue com força, inclusive na Ásia,estão sendo divulgadas e é mais um fator que pode influenciar as produções e consequentemente o mercado. 

Tags:
Por:
Talita Benegra
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário