Contagem regressiva para o maior evento de café do Brasil, a SIC 2016

Publicado em 15/09/2016 16:09
106 exibições

Falta apenas uma semana para o início da quarta edição da Semana Internacional do Café - SIC 2016. O principal encontro da cadeia produtiva no Brasil acontecerá de 21 a 23 de setembro, no Expominas, em Belo Horizonte. Haverá ampla programação de eventos simultâneos, encontros, seminários, cursos, concursos, sessões de cupping (prova de cafés), divididos em três eixos temáticos: Mercado & Consumo, Conhecimento & Inovação, Negócios & Empreendedorismo.

Realizada desde 2013 na capital do maior estado produtor do país, a SIC tem como foco o desenvolvimento do mercado brasileiro e a divulgação da qualidade dos cafés nacionais para o consumidor interno e países compradores, além de potencializar o resultado econômico e social do setor. Neste ano, dois temas ainda ganharão destaque: a sustentabilidade, ponto forte entre os produtores nacionais em todos os níveis (ambiental, econômico e social), e as oportunidades apresentadas no segmento de cafés especiais, uma realidade em todo o mundo.

A Semana Internacional do Café 2016 também realiza o Espaço Café Brasil, maior feira brasileira do setor, que chega à sua 11ª edição, a Copa Barista, e o concurso Coffee of the Year Brasil, responsável por eleger o melhor café do país nesta safra.

Conheça alguns dos destaques da Semana Internacional do Café 2016:

- 11º Espaço Café Brasil - A Plataforma de negócios para o mercado de cafés possui área de exposições e atrações focadas para os produtores rurais, cooperativas, torrefadores, exportadores, varejistas, empreendedores, food service, baristas e consumidores. Em 2015, foram 150 marcas expositoras, que atraíram 13 mil profissionais e interessados, gerando mais de R$ 25 milhões em negócios diretos.

- Encontro de Produtores do Programa Café+Forte - Encontro promovido pela FAEMG com produtores e técnicos participantes do programa, que realiza a transferência de tecnologia nas áreas de gestão e custos, melhorando a capacidade de gerenciamento do cafeicultor mineiro.

- DNA Café 2016  - Encontro de atores da cadeia cafeeira nacional e internacional para debater tendências, desafios e ações para o futuro do mercado de café mundial. Os encontros são realizados em formato de mesas redondas, com representantes de diversos setores e mediadores. Todos são abertos à participação do público visitante.

- Fórum da Agricultura Sustentável 2016 - Reunirá os principais profissionais do setor para debater ações na cafeicultura e os próximos passos para o desenvolvimento sustentável das gerações futuras. O Brasil, maior produtor e exportador de café do mundo, tem na agricultura nacional o exemplo para o mercado internacional no tema sustentabilidade da cadeia produtiva.

- Cafeteria Modelo  - Direcionada ao mercado de food service, a atração conta com capacitação técnica para empreendedores e orientação em planejamento de negócios. Oferece também workshops práticos, com conceituados profissionais brasileiros, sobre o preparo de espressos e drinques, leite com café, torra, degustações e os mais diferentes métodos de preparo da bebida.

- Reuniões Educampo Café - O encontro reúne técnicos para discutir aspectos relativos à metodologia do Educampo, programa desenvolvido pelo Sebrae. O projeto propõe a capacitação permanente e assistida ao produtor e possibilita a adoção das melhores práticas gerenciais e técnicas, de acordo com a disponibilidade de recursos em sua propriedade.

- Sala de Cupping & Negócios - Amostras de cafés nacionais da safra atual são enviadas por produtores de todo o Brasil e, então, provadas por classificadores e compradores nacionais e internacionais para a venda direta pelos produtores.

- Coffee of the Year Brasil 2016 - Os 10 melhores cafés são provados pelo público e o mais votado é escolhido o melhor café do Brasil desta safra.

- Encontro IWCA Brasil - A Aliança Internacional das Mulheres do Café do Brasil realiza encontro anual para debater os principais passos para atuação do grupo nacionalmente, formado por cafeicultoras, empresárias e baristas.

Fonte FAEMG

Nenhum comentário