Rondônia reduz 54% da área plantada com café e produtividade cresce 154% na última década

Publicado em 16/10/2018 12:09
181 exibições
Região Amazônica produz robustas finos e cafés especiais com aromas e sabores diferenciados

A produção de cafés em Rondônia na safra 2018 foi calculada em 1,98 milhão de sacas, volume que corresponde a um incremento de 2,1% em relação à safra anterior. Contudo, a área de cultivo, estimada em 63,9 mil hectares, representa um decréscimo em torno de 14% em relação à safra passada e, mais que isso, demonstra uma produtividade média de 30,97 sacas por hectare, resultado superior em 18,6% ao ano anterior. 

O aumento da produtividade pode ser atribuído à renovação de lavouras antigas que foram substituídas por  materiais  genéticos de alta produtividade. Além disso, o emprego de boas tecnologias, manejo adequado da cultura e condições climáticas mais favoráveis, desde a florada até a fase de maturação dos frutos, também contribuíram para a performance positiva da safra.  

Nesse contexto, a revista Cafés de Rondônia – Edição Nº 3/Setembro de 2018, editada pela Embrapa Rondônia, a qual está disponível na íntegra no Observatório do Café do Consórcio Pesquisa Café, coordenado pela Embrapa Café, traz como destaque matérias e artigos que retratam essas transformações positivas na cafeicultura de Rondônia Outro ponto destacado pela revista é que, a propósito de ter ocorrido redução na área plantada em torno de 54%, nos últimos 10 anos, a produtividade cresceu quase 154% devido à adoção de novas tecnologias nas lavouras.

Leia esta ANÁLISE/divulgação na íntegra na página da Embrapa Café,  do Observatório do Café e do Consórcio Pesquisa Café.

 

Tags:
Fonte: Embrapa Café

Nenhum comentário