Etiópia busca exportar grãos de café

Publicado em 11/03/2019 16:10
96 exibições

Os etíopes reivindicam frequentemente o direito de se gabar de apresentar o mundo ao café. Uma lenda local diz que um pastor de cabras chamado Kaldi descobriu pela primeira vez o efeito estimulante do grão vermelho no século IX na região sudoeste de Kaffa, na Etiópia. No ano fiscal de 2018/2019, a Etiópia produziu cerca de 426.000 toneladas, exportando quase 4 milhões de sacas, mas o maior produtor de café da África tem poucas marcas produzidas localmente. Agora, com uma grande dispersão que introduziu as refeições etíopes no mundo e o crescimento doméstico que reintroduziu o país à economia global, o café etíope tem a oportunidade de aproveitar as tendências de consumo globais. Exportar uma cultura pode exigir alguma diluição.

Leia a notícia na íntegra no site CaféPoint

Tags:
Fonte: CaféPoint

0 comentário