Café arábica testa reação, mas volta a cair na Bolsa de Nova York nesta tarde de 3ª feira

Publicado em 19/03/2019 12:54 e atualizado em 19/03/2019 15:04
120 exibições

LOGO nalogo

As cotações futuras do café arábica na Bolsa de Nova York (ICE Futures US) operam com leve baixa nesta tarde de terça-feira (19). O mercado oscila dos dois lados da tabela em busca de acomodação acompanhando os fundamentos, mas também em ajustes.

Por volta das 15h01 (horário de Brasília), o vencimento maio/19 caía 20 pontos, cotado a 96,65 cents/lb. Já o vencimento julho/19 recuava 15 pontos, a 99,40 cents/lb e o setembro/19 tinha desvalorização de 10 pontos, negociado a 102,15 cents/lb.

O mercado externo do arábica chegou buscar acomodação técnica no início da tarde desta segunda-feira. No entanto, as perdas das véspera passaram a ser estendidas com operadores atentos às informações sobre a oferta global e as condições do tempo no Brasil.

Além do otimismo com as informações sobre o abastecimento, os preços externos também recuaram nos últimos dias acompanhando as chuvas em áreas produtoras do Brasil. Segundo o Barchart, precipitações acima da média chegaram a ser registradas.

"Chuvas abundantes no Brasil estão beneficiando as lavouras de café no Brasil e empurraram os preços de arábica para baixo nesta segunda-feira", destacou o site internacional.

No Brasil, no último fechamento, o tipo 6 duro era negociado a R$ 396,00 a saca de 60 kg em Guaxupé (MG, em Espírito Santo do Pinhal (SP) registravam R$ 380,00 e em Poços de Caldas (MG) estavam valendo R$ 380,00.

» Clique e veja as cotações completas do café

Por: Jhonatas Simião
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário