Café: Dólar cai e volta a dar suporte para as altas na Bolsa de Nova York nesta tarde de 4ª feira

Publicado em 10/04/2019 11:53
165 exibições

LOGO nalogo

As cotações futuras do café arábica sobem mais de 50 pontos na sessão desta quarta-feira (10) na Bolsa de Nova York (ICE Futures US). Após baixas pela manhã, o mercado voltou ao lado azul da tabela, estendendo os ganhos da véspera, em ajustes e com suporte do câmbio.

Por volta das 11h38 (horário de Brasília), o vencimento maio/19 registrava alta de 70 pontos, cotado a 94,35 cents/lb. O contrato julho/19 registrava 96,80 cents/lb com avanço de 70 pontos e o setembro/19 tinha 75 pontos de valorização, negociado a 99,25 cents/lb.

Na véspera, o mercado externo do arábica testou recuperação técnica depois de quedas consecutivas que fizeram os futuros se aproximarem das mínimas de mais de 10 anos. Esse processo corretivo segue nesta tarde de quarta-feira, mas o câmbio também dá suporte aos preços externos.

Às 11h49, o dólar comercial recuava 0,659%, cotado a R$ 3,8288 na venda, acompanhando o parecer do relator à reforma da Previdência em Comissão da Câmara dos Deputados, além do exterior. A moeda estrangeira mais baixa tende a desencorajas as exportações e por isso dá suporte aos preços.

"Mesmo com todas as fichas sendo direcionadas na aprovação da reforma, a apreensão fica por conta da sua essência. Resumindo, o objetivo de uma economia de 1 trilhão de reais em 10 anos será ou não alcançado?", disse em nota o operador de câmbio da Advanced Corretora Alessandro Faganello par a Reuters.

No Brasil, no último fechamento, o tipo 6 duro era negociado a R$ 388,00 a saca de 60 kg em Guaxupé (MG), em Espírito Santo do Pinhal (SP) registravam R$ 380,00 e em Poços de Caldas (MG) estavam valendo R$ 374,00.

» Clique e veja as cotações completas do café

Por: Jhonatas Simião
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário