Depois de mínimas históricas, café arábica em NY segue em correção nesta tarde de 2ª

Publicado em 15/04/2019 12:37
245 exibições

LOGO nalogo

Os futuros do café arábica operam com alta de mais de 50 pontos nesta tarde de segunda-feira (15) na Bolsa de Nova York (ICE Futures US). O mercado segue em acomodação depois de testar mínimas de mais de 10 anos na semana passada, mas também há suporte do câmbio.

Por volta das 12h27 (horário de Brasília), o vencimento maio/19 registrava alta de 95 pontos, a 91,35 cents/lb e o julho/19 anotava 93,85 cents/lb com avanço de 90 pontos. Já o contrato setembro/19 operava com ganhos de 80 pontos, a 96,35 cents/lb.

Após testar mínimas histórias na semana passada acompanhando novos dados da oferta global de café, o mercado da variedade na ICE passou a subir nos últimos dias em movimento de acomodação e estende  ganhos na sessão desta segunda-feira.

Além do movimento corretivo, o câmbio também contribui para o avanço do mercado nesta segunda. Às 12h31, o dólar comercial caía 0,23%, cotado a R$ 3,880 na venda, acompanhando o cenário político no Brasil. A moeda mais baixa em relação ao real desencoraja exportações.

Apesar da alta, operadores continuam acompanhando o desenvolvimento a safra brasileira. "A colheita no Brasil está se aproximando. As ideias são de produção de 62 ou 63 de sacas em 2018/19 e de 52 milhões de sacas na temporada atual", disse o vice-presidente da Price Futures Group, Jack Scoville.

No Brasil, no último fechamento, o tipo 6 duro era negociado a R$ 381,00 a saca de 60 kg em Guaxupé (MG), em Espírito Santo do Pinhal (SP) registravam R$ 380,00 e em Poços de Caldas (MG) estavam valendo R$ 356,00.

» Clique e veja as cotações completas do café

Por: Jhonatas Simião
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário