NY: Café despenca para a mínima em quatro meses e opera em forte baixa

Publicado em 17/06/2011 14:29 587 exibições

Os futuros do café arábica negociados na Bolsa de Nova York, atingem o menor nível em quatro meses e recuam mais de 2% nesta sexta-feira. A desvalorização é motivada pelo temor sobre a oferta.

De acordo com a agência de meteorologia Somar, as principais áreas de cultivo do Brasil devem apresentar um clima quente e seco nos próximos 10 dias, uma condição ideal para colheita de café.

Há pouco, os lotes para o vencimento em setembro operavam a 252,15 cents por libra-peso, com uma baixa de 900 pontos.

Tags:
Por:
Marília Pozzer
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário