Cooxupé: perda de rendimento do benefício chega a 10%

Publicado em 25/08/2011 12:45 445 exibições
A perda de rendimento no benefício do café está em torno de 10% na safra 2011 na região de atuação da Cooxupé (Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé). A avaliação é do coordenador de desenvolvimento técnico da Cooxupé, Mário Ferraz de Araújo. Segundo ele, o veranico de janeiro e fevereiro prejudicou a safra na fase de enchimento de grão, e isso vai afetar a produção, com os produtores precisando de "mais café" para formar uma saca de beneficiado.
 
Segundo Araújo, o clima neste momento é favorável à colheita e secagem, mas há essa reclamação dos produtores sobre o rendimento do café. A qualidade da safra, entretanto, é muito boa.
 
Na região de atuação da Cooxupé, que envolve o sul de Minas Gerais, cerrado mineiro e também uma parte de São Paulo, os trabalhos estão na reta final. Araújo observa que neste momento o que resta é mais a varrição/repasses. "Até o fim de agosto a colheita termina no sul de Minas e São Paulo, restando depois o cerrado, que termina na primeira quinzena de setembro", afirma.
 
Levantamento da Cooxupé na semana entre 14 e 20 de agosto apontou que a média da colheita nas áreas de atuação da cooperativa chega a 88%. Na área em que atua em São Paulo, a Cooxupé aponta colheita em 90%; no sul de Minas Gerais em 75%; e no cerrado mineiro em 75%.
Tags:
Fonte:
Agência Safras

0 comentário