Perspectivas para carnes

Publicado em 01/06/2010 15:35 227 exibições

Perspectivas de mercado para a carne de frango e suínos e a relação das cadeias produtivas com o meio ambiente foram os temas principais da oitava edição do Encontro Municipal de Avicultores e Suinocultores de Nova Alvorada, realizado na sexta-feira (28). O evento contou com a participação de mais de 130 criadores e foi promovido pela Emater/RS-Ascar, Associação de Suinocultores e Avicultores de Nova Alvorada e Prefeitura.

O presidente da Associação Brasileira de Produtores e Exportadores de Frango, Francisco Turra, palestrou sobre as perspectivas mundiais de mercado de frango. O veterinário, Francisco Van Riel, falou sobre a nutrição e manejo das vacas leiteiras. Por último, o presidente da Associação de Criadores de Suínos do Rio Grande do Sul – Acsurs, Valdecir Folador, palestrou sobre a suinocultura e o meio ambiente.

De acordo com o chefe do escritório municipal da Emater/RS-Ascar de Nova Alvorada, Romeu César Deon, os objetivos do evento foram levar informações aos criadores para que possam potencializar a produção e atender as necessidades ambientais e de bem-estar animal, além de estimular a integração e união entre os criadores.

O Encontro é realizado a cada dois anos e visa manter a união dos criadores para enfrentar as crises do setor. Segundo Deon, desde o ano 2000 existe no município a Associação de Avicultores e Suinocultores e por meio desta união foi possível conseguir, através de Programa da prefeitura, um auxílio financeiro aos criadores para a construção e adequação de instalações e para e adequação ambiental. Hoje existem em Nova Alvorada 112 avicultores e 45 suinocultores. A produção anual do município é de 9,8 milhões de aves alojadas, 21 mil leitões iniciados e 56 mil suínos terminados.

Tags:
Fonte:
Suinocultura Industrial

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário