Para Conab, em 2011 o brasileiro consumirá perto de 98 kg de carnes

Publicado em 09/11/2010 09:36
316 exibições
Invertendo posições, em 2011 a oferta interna de carne de frango pode corresponder aos mesmos 46% que em 2005 correspondiam à oferta de carne bovina. Mas como, nesse espaço de tempo, o total ofertado deve aumentar 12,5%, aproximando-se dos 98 kg per capita, a quantidade disponível de carne de frango será substancialmente maior que a de carne bovina cinco anos atrás.

Em outras palavras, a oferta aparente das três carnes para cada um dos habitantes brasileiros, que era de 87 kg per capita em 2005, estará no ano que vem apresentando um acréscimo de 10,9 kg. Pois bem: quase 91% desse acréscimo (ou 9,9 kg) estão representados pela carne de frango. Outros 27,5% (ou 3 kg) estão sendo proporcionados pela carne suína. Quer dizer: a diferença aí existente, de pouco mais de 18%, corresponde à redução de 2 kg per capita na disponibilidade de carne bovina, que deve passar de 40,1 kg em 2005 para 38,1 kg em 2011.

Note-se que esta projeção da CONAB para a carne bovina implica em um aumento de 2,1% sobre a oferta prevista para 2010 (37,3 kg). Mesmo assim, o volume disponível continuará 12% abaixo do recorde mais recente 43,3 kg per capita em 2006.

A ressalvar que todos esses valores foram projetados com base em uma população brasileira muito próxima dos 195 milhões de habitantes. Ou seja: se o contingente populacional ficar aquém desse número, como apontam números preliminares do censo de 2010, a disponibilidade interna per capita será ainda maior que a projetada.
Tags:
Fonte: AviSite

Nenhum comentário