Famato pede intervenção do governo para evitar embargo russo à carne de MT

Publicado em 07/06/2011 10:29 261 exibições
A Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato) quer a intervenção do governo federal para evitar que 23 frigoríficos do Estado deixem de exportar carne para Rússia. O embargo, anunciado pelo governo daquele país, deve entrar em vigor a partir de 15 de junho, sob a justificativa de que o produto mato-grossense não atender os critérios sanitários estipulados.

O presidente da Federação, Rui Prado, declarou, ao Só Notícias/Agronotícias que deve enviar, até a próxima semana, documento ao Ministério da Agricultura e Abastecimento (MAPA) pedindo a intervenção. "É uma questão comercial, então, trata-se de diálogo entre os dois países", disse, em entrevista ao Só Notícias, ressaltando não existir "explicação contundente para o embargo, já que os frigoríficos atendem a todos os critérios".

Mato Grosso calcula prejuízo médio de US$ 20 milhões mensais com o embargo. Conforme Só Notícias informou, a restrição não é somente a Mato Grosso, mas também ao Paraná e ao Rio Grande do Sul, totalizando 89 plantas.
Tags:
Fonte:
Só Notícias

0 comentário