Inmet alerta para queda de granizo no Rio Grande do Sul

Publicado em 23/12/2011 06:47 664 exibições
A semana termina com trovoadas e rajadas de ventos ocasionais em áreas isoladas do Distrito Federal, Rondônia, Goiás (exceto no sul), norte e noroeste de Minas Gerais e no Mato Grosso. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) alerta para essas condições e avisa ainda que existe a possibilidade de queda de granizo em áreas isoladas do Rio Grande do Sul. As informações estão no Aviso Especial no. 417 válido para esta sexta-feira, 23 de dezembro.

No Sul, pancadas de chuva e trovoadas isoladas com possibilidade de chuva forte e queda de granizo em áreas isoladas no Rio Grande do Sul. No Centro-Oeste, pancadas de chuva e trovoadas isoladas atingem Goiás, Mato Grosso e Distrito Federal. No Sudeste, o tempo fica parcialmente nublado com pancadas de chuva em Minas Gerais, Espírito Santo e em São Paulo. Há possibilidades de chuva no Rio de Janeiro.

A meteorologia prevê pancadas de chuva e trovoadas isoladas no Amazonas, Pará, Amapá, Roraima, Acre, Rondônia e Tocantins. No Nordeste, o tempo fica nublado com chuvas isoladas no centro/sul do Maranhão, Piauí, Ceará, Paraíba, Pernambuco, litoral leste do Rio Grande do Norte, Alagoas, Sergipe e na Bahia.

Previsão climática trimestral

O Inmet divulgou hoje (22) a previsão climática para o trimestre janeiro a março de 2012. Segundo a maioria dos modelos de previsão climática, condições de La Niña devem persistir na faixa equatorial do Pacífico até o início de 2012. O boletim informa que persiste a maior probabilidade de ocorrência de chuva na categoria acima da normal climatológica no norte da região Norte. Para o norte da região Nordeste, a maior probabilidade é de chuvas entre as categorias normal e acima da normal climatológica (75% de probabilidade).

O Inmet não descarta as condições de excesso de chuva em áreas do Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste sob influência do sistema conhecido como Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS) e associadas a sistemas convectivos locais. As temperaturas continuam sendo previstas dentro da normalidade no decorrer deste trimestre na maior parte do Brasil.

Tags:
Fonte:
Mapa

0 comentário