Chuvas no Sul: Prejuízos continuam sendo contabilizados em SC e PR

Publicado em 10/06/2014 09:22 e atualizado em 10/06/2014 15:51 921 exibições

No G1 SC

Nove rodovias permanecem com trechos interditados nesta terça-feira (10)

Nove rodovias continuam com trechos fechados nesta terça-feira (10) por danos causados chuvas ocorridas no estado no final de semana.  De acordo a Polícia Rodovia Federal (PRF), as BR-116, 470 e 280 permanecem com quilômetros interditados. A Polícia Militar Rodoviária (PMRv) confirma que as SC-110, 108, 114, 477 e os acessos municipais AE-477 e 110 têm pontos com problemas na pista.

Na BR-116, no Norte, o trecho do km 2, em Mafra, chegou a ser liberado, mas voltou a ser interditado. O km 74, em Monte Carlo, também tem problemas.  Na BR-470, o km 21 está fechado, em Ilhota. Já na BR-280, os km 93, em Corupá, km 129, em Rio Negrinho e km 297, em Porto União, estão interditados.

Leia a notícia na íntegra no site do G1 SC

Homem é encontrado morto dentro de casa alagada em Mafra, no Norte

Um homem de 50 anos foi encontrado morto por volta das 16h desta segunda-feira (9) dentro de uma casa alagada em Mafra, no Norte do estado. Segundo o Corpo de Bombeiros Militar, a vítima estava desaparecida desde sábado (7).

O imóvel localizado no bairro Argentina, está com água até o forro, devido as chuvas do final de semana. De acordo com informações do sargento do Corpo de Bomeiros, Antônio Hurt, o corpo a vítima foi encontrada submersa e foi retirada com um gancho de arrastamento. “A equipe teve que quebrar uma parede da casa para conseguir acesso ao quarto do homem”, declara.

Leia a notícia na íntegra no site do G1 SC.

Previsão do Tempo

No Diário Catarinense:

Chuva descartada para esta terça-feira em todas as regiões de Santa Catarina

A terça-feira será de nebulosidade em Santa Catarina. Mesmo com a presença de muitas nuvens no céu, não há risco de chuva segundo o meteorologista da RBS Leandro Puchalski. O dia terá poucas aberturas de sol, mas já demonstra a melhora do tempo em comparação com os últimos dias.

O dia começou com nevoeiros em todas as regiões catarinenses e ao longo das horas o tempo continua nublado.

Leia a notícia na íntegra no site do Diário Catarinense.

No G1 PR

Número de pessoas afetadas pela chuva no Paraná passa de 420 mil

O número de pessoas afetadas pela chuva no Paraná chegou a 422.435, segundo o boletim divulgado pela Defesa Civil Estadual, às 9h desta terça-feira (10). No último boletim, divulgado às 18h de segunda-feira (7), tinham sido contabilizados 106.389 afetados. O número de desabrigados também aumentou de 2.935 para 3.341. Ao todo, 12.957 pessoas ficaram desalojadas e nove morreram. Quatro pessoas estão desaparecidas em Guarapuava, uma em Rebouças e outra em Paranavaí. Ainda de acordo com o boletim, 30 pessoas ficaram feridas. O temporal atingiu o estado entre sábado (7) e domingo (8) e atingiu 132 municípios.

A cidade mais atingida foi Cascavel, no oeste, com 150 mil pessoas prejudicadas pela chuva. Cinquenta moradores estão desabrigados no município. Ao todo, 79 cidades decretaram situação de emergência.

Leia a notícia na íntegra no site do G1 PR.

Vaca é arrastada por enxurrada e fica presa a árvore, no oeste do Paraná

Nível de córrego subiu e carregou o animal, em Quedas do Iguaçu. Chuva matou 9 pessoas no Estado; 79 cidades estão em emergência

Uma vaca, que foi arrastada pela correnteza em um córrego, ficou presa a uma árvore, em Quedas do Iguaçu, no oeste do Paraná. A cidade foi uma das 124, que foram atingidas pela chuva no sábado (7) e no domingo (8). O animal morto só foi encontrado nesta segunda-feira (9), quando o nível do córrego baixou.

De acordo com a Defesa Civil, uma pessoa morreu em Quedas do Iguaçu. O animal foi arrastado depois que a chuva que caiu na região fez subir o nível do córrego que passa pela linha Estrela, região rural da cidade.

As regiões central e sudoeste do Paraná foram as mais atingidas pela chuva. Em Guarapuava, as aulas o fornecimento de água foram suspensos.  O município de Rebouças, no sudoeste, está embaixo d'água. Os alagamentos obrigaram 300 pessoas a ficarem em abrigos improvisados, e 3.341 moradores foram, de alguma maneira, afetados pela chuva.

Leia a notícia na íntegra no site do G1 PR.

Na Gazeta do Povo:

Verba para prevenir desastres é insuficiente

Dos R$ 53 milhões que seriam investidos na prevenção de desastres naturais no Paraná apenas R$ 12 milhões foram de fato empenhados

Só R$ 12 milhões de R$ 53 milhões previstos para a prevenção de desastres naturais no Paraná foram efetivamente investidos no projeto que seria o carro-chefe da prevenção desses eventos no estado – o Programa de Prevenção e Alerta de Desastres Naturais. Além disso, o governo federal, que também possui uma verba destinada aos estados para esse tipo de emergência, só empenhou 52% neste ano (R$ 1,8 milhão de R$ 3,4 milhões).

Os valores dos investimentos ainda são pequenos se comparados aos gastos para recuperação dos danos causados pelas enchentes e alagamentos. Só para a reconstrução das cidades prejudicadas com as enchentes de 2011, Antonina, Morretes, Guaratuba e Paranaguá, foi estimado custo de R$ 100 milhões.

Leia a notícia na íntegra no site da Gazeta do Povo

No Globo Rural:

Produtores rurais do PR perderam criações, propriedades e plantações

Ao todo, no Paraná, 79 municípios estão em situação de emergência. Nove pessoas morreram e seis continuam desaparecidas. Os estragos podem ser vistos por toda parte.

Os bombeiros saíram cedo em busca das mais de 10 famílias isoladas na localidade de Bom Retiro, entre Guarapuava e Pinhão. Todas as pontes da região caíram e o acesso só pode ser feito a pé ou pelo ar. Os moradores esperam por uma ajuda desde o início da chuva, na sexta-feira (06).

Em uma área rural de Guarapuava, a água subiu tanto que quase encobriu as residências. Os produtores rurais perderam as criações de galinhas e porcos. A água começou a baixar no início de domingo (08) e já é possível ver as residências, apesar de não ser possível entrar ainda.

Leia a notícia na íntegra no site do Globo Rural.

Abaixo, veja imagens dos estragos causados pelas fortes chuvas do último final de semana:

São João do Ivaí/PR

Chuvas em São João do Ivaí

Chuvas em São João do Ivaí 2

Chuvas em São João do Ivaí 3

Guarapuava/PR

Chuvas em Guarapuava/PR

Chuvas em Guarapuava/PR 2

Chuvas em Guarapuava/PR 3

Marechal Cândido Rondon/PR

Chuvas em Marechal Cândido Rondon

Chuvas em Marechal Cândido Rondon 2

Chuvas em Marechal Cândido Rondon 3

Itajaí/SC

Chuvas Porto de Itajaí

Major Vieira/SC

Chuvas em Santa Catarina

Rio Negrinho/SC

Chuvas em Santa Catarina 2

Chuvas em Santa Catarina 3

Corupá/SC

Chuvas em Corupá

Chuvas em Corupá 2

Santa Catarina

Chuvas em SC

Chuvas em SC 2

Chuvas em SC 3

Chuvas em SC 5

Paraná

Chuvas no PR

Chuvas no PR 4

Chuvas no PR 5

Chuvas no PR 6

Chuvas no PR Mapa

Capanema- PR, Fortes chuvas causam alagamentos na região de Capanema, mais de 37 mil pessoas foram afetadas.

Foto: Patrícia Soransso

Foto: Patrícia Soransso

Foto: Patrícia Soransso

Foto: Patrícia Soransso

Foto: Patrícia Soransso

Foto: Patrícia Soransso

Foto: Patrícia Soransso

Foto: Patrícia Soransso

Foto: Patrícia Soransso

Foto: Patrícia Soransso

Foto: Arnaldo Alves / ANPr (09/06/2014)

Foto: Arnaldo Alves / ANPr (09/06/2014)

União da Vitória/PR, Governador Beto Richa acompanhado pelo Prefeito Pedro Ivo Ilkiv vistoria áreas afetadas pelas enchentes na região de União da Vitória.

Foto: Arnaldo Alves / ANPr

Foto: Arnaldo Alves / ANPr

Foto: Arnaldo Alves / ANPr (09/06/2014)

Foto: Arnaldo Alves / ANPr (09/06/2014)

Foto: Arnaldo Alves / ANPr (09/06/2014)

Foto: Arnaldo Alves / ANPr (09/06/2014)

Foto: Arnaldo Alves / ANPr (09/06/2014)

Foto: Arnaldo Alves / ANPr (09/06/2014)

Foto: Arnaldo Alves / ANPr (09/06/2014)

Foto: Arnaldo Alves / ANPr (09/06/2014)

Foto: Arnaldo Alves / ANPr (09/06/2014)

Foto: Arnaldo Alves / ANPr (09/06/2014)

Áreas afetadas pelas enchentes na região de Irati.

Foto: Arnaldo Alves / ANPr (09/06/2014)

Foto: Arnaldo Alves / ANPr (09/06/2014)

Tags:
Fonte:
G1 + Gazeta do Povo

0 comentário