Deslizamento de rochas deixa dois mortos em Petrópolis, no RJ

Publicado em 15/11/2016 09:59
168 exibições

Uma mulher de 49 anos e um idoso de 70 que foram soterrados no deslizamento de rochas na noite desta segunda-feira (14) no bairro Quitandinha, em Petrópolis, Região Serrana do Rio, foram encontrados mortos na manhã desta terça-feira (15). As vítimas são Consuelo do Carmo e Paulo Roberto Souza. O secretário de Proteção e Defesa Civil, coronel Rafael Simão, afirma que 70 toneladas de pedras rolaram em direção aos imóveis. A cidade é castigada por fortes chuvas desde o sábado (12) e cerca de 60 chamados para vistorias preventivas foram feitos.

O marido da mulher encontrada morta, um homem de 52 anos, foi resgatado na noite de segunda. Segundo Antônio Marcos, que é irmão dele, o casal estava vendo TV quando escutou um barulho semelhante ao de um avião e de repente tudo sumiu. O homem chegou a ficar soterrado, mas conseguiu se livrar da lama. Ele está internado no Hospital Santa Teresa. As buscas foram feitas por equipes de salvamento do Corpo de Bombeiros e Defesa Civil.

Os imóveis em um raio de 100 metros da região próximo à Rua Uruguai foram interditados, mas ainda não há a informação precisa da Defesa Civil de quantos são. Toda a área foi isolada e pelo quatro casas foram diretamente afetadas. Três foram totalmente destruídas. Na manhã desta terça ainda é possível escutar o barulho de pedras rolando.

Leia a notícia na íntegra no site do G1 RJ

Chuva causa alagamentos e queda de energia elétrica em Belo Horizonte

A chuva que cai em Belo Horizonte desde a segunda-feira (14) deixou vários pontos da capital mineira sem energia elétrica. Na Avenida Antônio Carlos, perto do Viaduto São Francisco, postes de iluminação ficaram apagados.

Na Região Centro-Sul, bairros como o São Pedro e o Santo Antônio também ficaram sem luz. Na Rua Leopoldina, a escuridão era total. O apagão atingiu quarteirões inteiros. Em alguns pontos era até difícil ver os prédios. Alguns trechos da Avenida do Contorno também foram atingidos.

A queda de energia também deixou semáforos desligados. No cruzamento da Rua Carangola com a Avenida do Contorno, os carros tinham que atravessar com cuidado, para evitar acidentes.

Na esquina das ruas Gonçalves Dias com Ouro Preto, no bairro Santo Agostinho, a água da chuva inundou uma galeria, que acabou transbordando bem no meio do cruzamento.

Leia a notícia na íntegra no site do G1 MG

Tags:
Fonte:
G1 RJ e G1 MG

0 comentário