Frio fora de época retarda desenvolvimento das lavouras no centro e norte do Brasil

Publicado em 15/12/2016 14:11 e atualizado em 15/12/2016 15:53
273 exibições

A presença do corredor de umidade sobre a região central e norte do Brasil, manterá o tempo instável e com possibilidades para ocorrências de pancadas de chuvas sobre as regiões produtoras de Rondônia, Mato Grosso, Goiás, metade sul de Minas Gerais, Tocantins, Pará, Maranhão, sul do Piauí e no extremo oeste da Bahia. Mas como vem ocorrendo continuamente, essas pancadas de chuvas serão irregulares, comenta Marco Antônio Santos, agrometeorologista e consultor da Climatempo.

 No Sul, o dia começou com temperaturas baixas. Segundo as estações meteorológicas do INMET, nas cidades catarinenses fez bastante frio. Veja os registros:

Bom Jardim da Serra, o termômetro marcou 2,3°C, Urupema, 3,7°C, Urubici 4,4°C, São Joaquim, 4,9°C. Por volta da 5h30 da manhã, a cidade gaúcha de Dom Pedrito, registrou 10,5°C, Santana do Livramento, 9,6°C. Esse frio fora de época estará trazendo consequências negativas às lavouras de arroz e soja, já que retarda o desenvolvimento das lavouras. Ao longo desta quinta-feira (15), o tempo fica aberto e sem previsão de chuva na maior parte da região. 

 Saiba como melhorar a produção no campo

Na sexta-feira (16), as chuvas continuam concentradas sobre a região central e norte, tempo seco e frio no Sul. Somente na região do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia é que há uma tendência de que as próximas duas semanas sejam com chuvas mais irregulares e, até mesmo com a possibilidade de alguns períodos de estiagem. “Não dá para descartar algumas perdas regionalizadas, principalmente nos potenciais produtivos das lavouras o que acarreta replantios”, alerta o agrometeorologista Marco Antônio Santos. 

Os modelos matemáticos mostram chuvas sobre a região Sul, somente no começo da próxima semana com a passagem de uma frente fria. Este sistema avança e provoca chuva entre o domingo (18) e a terça-feira (20), elevando os níveis de umidade do solo e garantindo melhores condições ao desenvolvimento das lavouras.

No Centro-oeste e no Sudeste, a semana que vem será marcada pela ocorrência de pancadas de chuvas frequentes e irregulares. Mantendo, desse modo, boas condições ao desenvolvimento das lavouras, bem como a realização dos tratos culturais. 

Tags:
Fonte: Agroclima

0 comentário