Sindicato Rural de Guarapuava promove palestra sobre mudanças climáticas (SIND. RURAL DE GUARAPUAVA)

Publicado em 25/04/2019 11:39
82 exibições
O palestrante é o pesquisador Luiz Molion, que defende que o ser humano não é responsável pela variabilidade climática dos últimos tempos.

O Sindicato Rural de Guarapuava promove no dia 7 de maio, às 19h, a palestra "Previsão climática safra 2018-2019 e tendência global para 10 anos", com o pesquisador Luiz Carlos Baldicero Molion, no anfiteatro da entidade.

O objetivo da palestra é mostrar ao produtor rural e à sociedade em geral, que o homem, em especial o agronegócio não possuem “culpa” nas variações climáticas e que o desmatamento não tem nenhuma influência sobre o regime de chuvas.

A entrada é gratuita para sócios do Sindicato Rural, porém as vagas são limitadas. Já para os não sócios, o investimento é de R$ 50,00. Estudantes pagam R$ 20,00. As inscrições devem ser feitas na recepção da entidade ou pelo telefone: (42) 3623-1115.

Sobre o palestrante

Luiz Carlos Baldicero Molion é bacharel em FÍsica pela USP, PhD em Meteorologia pela Universidade de Wisconsin (USA), pós-doutor em Hidrologia de Florestas pelo Instituto de  Hidrologia (Inglaterra) e acadêmico do Instituto de Estudos Avançados de Berlin (Alemanha), desde 1989. É pesquisador aposentado do Instituto de Pesquisas Espaciais (INPE/MCT), onde foi diretor de Ciências Espaciais e Atmosféricas, professor aposentado da Universidade Federal de Alagoas e professor colaborador da Pós-graduação em Clima e Ambiente, Universidade de Évora (Portugal).

Foi representante da América do Sul na Comissão de Climatologia da OMM de 1997-2010 e, dentre outras premiações, condecorado pela CINDRA da Câmara Federal com a Medalha Júlio Redecker em 2013 por serviços prestados à Nação.

Atualmente, se dedica a consultorias e a proferir palestras sobre Variabilidade e Mudanças Climáticas, Diagnóstico e Prognósticos Climáticos, Energias Renováveis, Dessalinização de Água e Desenvolvimento Regional.

Fonte: Sindicato Rural de Guarapuava

0 comentário