Inundações matam 113 no norte da Índia em temporada prolongada de monções; prisão e hospital estão submersos

Publicado em 30/09/2019 14:02
62 exibições

LOGO REUTERS

Por Saurabh Sharma

LUCKNOW, Índia (Reuters) - Fortes chuvas mataram pelo menos 113 pessoas nos Estados de Uttar Pradesh e Bihar, na Índia, nos últimos três dias, disseram autoridades nesta segunda-feira, após as águas inundarem uma grande cidade, tomarem áreas de um hospital e forçarem a retirada de detentos de uma prisão.

A temporada de monções da Índia, que começa em junho, geralmente começa a recuar no início de setembro, mas as fortes chuvas persistiram em partes do país este ano, provocando inundações.

Uma autoridade disse que pelo menos 93 pessoas morreram no Estado mais populoso de Uttar Pradesh desde sexta-feira, depois que suas regiões orientais foram atingidas por intensas chuvas de monção.

O aumento do nível da água forçou as autoridades a retirar 900 presos de uma penitenciária no distrito oriental de Ballia, disse o policial Santosh Verma.

Na vizinha Bihar, uma região agrária empobrecida que foi atingida por inundações no início deste ano, o número de mortos pela última chuva atingiu 20 nesta segunda-feira, afirmou uma autoridade do governo estadual.

A capital de Bihar, Patna, com cerca de 2 milhões de habitantes, foi gravemente atingida, com o nível das águas atingindo a altura da cintura em muitas ruas, e entrando em casas, lojas e até nas enfermarias de um grande hospital. Em algumas partes, as autoridades enviaram barcos para resgatar os residentes.

Em seu boletim desta segunda-feira, o Departamento Meteorológico da Índia disse que a intensidade das chuvas em Bihar provavelmente diminuirá. As chuvas em Uttar Pradesh também devem se acalmar nesta semana.

Autoridades do departamento de meteorologia disseram neste mês que as chuvas de monções devem estar acima da média pela primeira vez em seis anos.

Fonte: Reuters

0 comentário