Chuvas de monções na Índia devem ficar dentro da média em 2021, diz escritório meteorológico

Publicado em 16/04/2021 18:47 110 exibições

LOGO REUTERS

Por Rajendra Jadhav e Mayank Bhardwaj

LOGO REUTERS

NOVA DÉLHI/MUMBAI (Reuters) – A Índia deverá receber chuvas de monções dentro da média em 2021, disse nesta sexta-feira o serviço meteorológico estatal do país, elevando as expectativas de um maior crescimento agrícola e econômico da terceira maior economia da Ásia, que luta contra uma disparada no número de casos de coronavírus.

As chuvas de monções deverão totalizar 98% da média de longo prazo, afirmou M. Rajeevan, secretário do Ministério de Ciências da Terra, em entrevista coletiva virtual.

O Departamento de Meteorologia da Índia (IMD, na sigla em inglês) define como dentro da média –ou normais– as chuvas que ficam entre 96% e 104% da média histórica de 50 anos, de 88 centímetros, durante a temporada de quatro meses que tem início em junho.

Em meio à pandemia de coronavírus, a agricultura tem sido um ponto positivo para a economia indiana, e boas chuvas de monções tendem a ajudar o setor, disse Radhika Rao, economista do DBS Bank em Cingapura.

As monções, importantíssimas para a economia de 2,9 trilhões de dólares do país, entregam quase 70% das chuvas de que a Índia necessita para as lavouras e o reabastecimento dos reservatórios e aquíferos.

“A maioria dos modelos mostra que as condições La Niña vão se converter em neutras, e que há uma chance muito pequena de El Niño”, acrescentou Rajeevan.

Um El Niño forte, marcado pelo aquecimento da superfície do Oceano Pacífico, pode causar graves secas na Austrália, no Sudeste Asiático e na Índia.

(Reportagem adicional de Swati Bhat, em Mumbai)

Fonte:
Reuters

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário