PR: Chuva boa mesmo não vem há quase dois meses

Publicado em 16/09/2010 07:39
302 exibições
Na zona rural, pequenos produtores esperam para fazer a semeadura da lavoura.
No final da semana passada, havia previsão para a possibilidade de chuva em boa parte do Estado no começo desta semana. A chuva não veio. Como não veio, em intensidade, desde meados de julho. Agora, existe de novo a possibilidade de chuva leve para esta quinta-feira na Grande Curitiba. Resta esperar. E esperar é o que faz quem necessita urgentemente da água. O produtor de Campo Magro, Adriano Dombronski, espera pela chuva há mais de trinta dias para poder plantar. Em sua propriedade ele cultiva milho, batata e feijão, mas precisa de água para fazer a semeadura.

Ele já preparou a terra para o plantio. A terra, aliás, está ressequida. Nem adianta. Sem chuva é plantar para perder a semente, comentou. A preocupação do produtor é com a época. Ele já teria que ter feito a semeadura, e o tempo se esgota. A esperança é que parece que vem chuva, disse com esperança.

Nos próximos dias também há previsão de pequena queda nas temperaturas. Em Curitiba os termômetros podem chegar aos 9ºC no final de semana. No domingo, a máxima não devfe chegar aos 20ºC.

Barragens A estiagem deste inverno ainda não deixou as condições de abastecimento comprometidas. Só agora a água estocada nas barragens do Passaúna e Iraí começaram a ser usadas aos poucos pela Sanepar. Ontem, o volume do Iraí era de 95% da sua capacidade. O Passaúna tinha 97%. Piraquara 1 e 2 estavam com 100% do volume.

A preocupação com o abastecimento é mais para o interior, onde a estiagem já dura mais de dois meses e os cursos d´água usados na coleta de água potável estão ficando baixos. Desde o final do mês passado a Sanepar chama a atenção para o consumo consciente em algumas cidades do Norte Pioneiro e Noroeste. A estiagem é provocada pelo fenômeno La Niña, e deve durar até o começo do verão.
Tags:
Fonte: Bem Paraná

Nenhum comentário