Chove em boa parte da região Centro-Oeste nesta terça-feira. Veja mais detalhes

Publicado em 01/11/2010 11:12
608 exibições
Amplitude térmica aumenta, com madrugadas frias e tardes quentes.
Previsão para esta terça, dia 2

Região Sul
Tempo seco e ensolarado no Sul. Faz frio pela manhã com mínima entre 3°C e 5°C na Serra Geral. Já a temperatura máxima sobe, passando dos 29°C no oeste do Rio Grande do Sul.

Região Sudeste
Na terça-feira, a frente fria traz chuva intensa e generalizada em Minas Gerais, Espírito Santo e norte do Rio de Janeiro. Na microrregião de Alvinópolis, em Minas Gerais, o acumulado poderá passar dos 150 mm em 24 horas, correspondendo a mais de 80% da média de novembro. Em Lajinha, também em Minas Gerais, o acumulado alcança 70 mm, correspondendo a 40% da média de novembro. O risco de transbordamento de pequenos córregos entre a Grande Belo Horizonte e a zona da mata de Minas Gerais é elevado neste dia. Por outro lado, em São Paulo, o tempo permanece seco. O frio da madrugada aumenta e a mínima chega a 10°C em algumas partes do Estado de São Paulo. Já a tarde, faz frio entre Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo, com máxima que não chega aos 20°C.

Região Centro-Oeste
Na terça-feira, a frente fria traz chuva ao centro e norte de Goiás, Distrito Federal e norte de Mato Grosso. O acumulado ainda será elevado, chegando aos 50 mm em várias localidades. Por outro lado, em Mato Grosso do Sul, sudoeste de Goiás e centro e sul de Mato Grosso, o tempo permanece seco. A amplitude térmica aumenta, com uma madrugada fria em Mato Grosso do Sul e sul de Goiás, porém com uma tarde quente em boa parte da região, com exceção do Distrito Federal e norte de Goiás.

Região Nordeste
Uma nova frente fria chega ao Nordeste e organiza chuva mais intensa e generalizada sobre o sul e sudoeste da Bahia. No extremo sul do Estado, o acumulado chega aos 50 mm. Áreas de instabilidade também causam chuva no centro e oeste do Maranhão. Na maior parte do Nordeste, no entanto, o sol e o calor predominam.

Região Norte
A chuva avança pela Região, atingindo Tocantins, Pará, Amazonas, Rondônia e Roraima. Já não há previsão de grandes temporais, mas o acumulado chega aos 40 mm no sudeste do Pará. No Acre e no Amapá, não há previsão de chuva. O calor aumenta em toda a Região nesta terça-feira.

Veja como fica o tempo nos próximos dias

Região Sul
Na quarta-feira, chove de forma fraca e isolada apenas no extremo sul do Rio Grande do Sul. O frio da madrugada prossegue, com mínima entre 3°C e 5°C entre Santa Catarina e o Paraná. A máxima, no entanto, continua subindo, chegando aos 30°C em boa parte do Rio Grande do Sul. Na quinta-feira, chove fraco ao longo da costa do Rio Grande do Sul. Já na sexta-feira, a chuva fraca atinge a costa de Santa Catarina e o nordeste do Rio Grande do Sul.

Região Sudeste
A partir da quarta-feira, os temporais ficam bem mais restritos, atingindo o noroeste de Minas Gerais. As chuvas atingem todo o centro e norte de Minas Gerais e Espírito Santo. Já em São Paulo e no Rio de Janeiro, o tempo permanece seco. O frio da madrugada aumenta e a máxima chega a 5°C no sul do Estado de São Paulo. Já à tarde, faz calor em São Paulo, porém a temperatura permanece baixa entre o Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais. Na quinta-feira, a chuva atinge o norte do Espírito Santo e o norte e oeste de Minas Gerais. O acumulado passa dos 60 mm no norte de Minas Gerais Na sexta-feira, a chuva isolada e com baixo acumulado volta a atingir o nordeste de São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo e boa parte de Minas Gerais.

Região Centro-Oeste
Na quarta-feira, ainda chove no Distrito Federal, centro e norte de Goiás e no centro e nordeste de Mato Grosso. Há risco de intensos temporais entre o Distrito Federal e entorno de Brasília. Em Mato Grosso do Sul, sul de Goiás e no oeste e sul de Mato Grosso, o tempo permanece seco. A madrugada permanece fria entre Mato Grosso do Sul e sul de Goiás, mas a tarde fica cada vez mais quente em toda a Região. Na quinta-feira, a chuva atinge o norte de Mato Grosso e de Goiás, além do Distrito Federal. Na sexta-feira, a chuva passa a atingir todo o Estado de Goiás, Distrito Federal e norte de Mato Grosso.

Região Nordeste
Na quarta-feira, a frente fria traz chuva para o centro e sul da Bahia, sul do Piauí e sul e oeste do Maranhão. De uma forma geral, o acumulado será baixo. Apenas no extremo sudoeste da Bahia, a chuva será mais intensa, com acumulado de 50 mm. No sul e sudoeste da Bahia, a temperatura máxima entra em declínio, porém na maior parte do Nordeste, o sol e o calor ainda predominam. Na quinta-feira, a chuva prossegue sobre o oeste e sul da Bahia e sul do Piauí e do Maranhão. Chove forte no sudoeste da Bahia. Na sexta-feira, a chuva fica mais restrita, atingindo apenas o sudoeste do Maranhão e o oeste e sul da Bahia. O acumulado chega aos 50 mm no sudoeste da Bahia.

Região Norte
Na quarta-feira, a chuva atinge uma faixa que começa em Tocantins e termina entre Roraima e o noroeste do Amazonas. Chove forte entre o Tocantins e sudeste do Pará, com acumulado de até 50 mm. No Acre e no Amapá, não há previsão de chuva. O calor predomina em boa parte da Região, com exceção do leste do Tocantins. Na quinta-feira, a chuva mais intensa concentra-se entre o sudoeste do Tocantins e do Pará. Na sexta-feira, a chuva forte atinge o sul do Tocantins.
Tags:
Fonte: Somar Meteorologia

Nenhum comentário