Mínimas baixas e máximas muito altas caracterizam região Centro-Oeste nesta quinta

Publicado em 17/11/2010 10:56 e atualizado em 17/11/2010 16:34 334 exibições
Mato Grosso do Sul pode ter mínima de 10ºC pela manhã e máxima de mais de 30ºC à tarde
QUINTA, DIA 18

Sul
Nesta quinta, a previsão é de tempo seco na maior parte da região, com exceção do litoral norte do Rio Grande do Sul e litoral sul de Santa Catarina, onde há previsão de chuva fraca. O frio da madrugada aumenta ainda mais e a mínima varia entre 5°C e 8°C desde o sul do Paraná até o Rio Grande do Sul. À tarde, o calor aumenta e a máxima passa dos 32°C no oeste do Rio Grande do Sul.

Sudeste
Na quinta, a chuva diminui em boa parte da região. A chuva mais fraca e isolada atinge o leste de São Paulo, norte do Rio de Janeiro, Espírito Santo e o leste e norte de Minas Gerais. A volta do tempo seco favorece também o retorno do calor para boa parte da região.

Centro-Oeste
Na quinta, a chuva enfraquece em boa parte da região. As chuvas mais isoladas e com menor acumulado atingem o norte de Mato Grosso e de Goiás e o Distrito Federal. Faz frio pela manhã no sul de Mato Grosso do Sul, com mínima em torno dos 10°C. Por outro lado, o calor da tarde aumenta em toda a região e a máxima bate os 35°C em partes de Mato Grosso do Sul e de Mato Grosso.

Nordeste
Prosseguem as chuvas na forma de pancadas sobre boa parte da Bahia e centro e sul do Piauí e do Maranhão. A chuva será intensa apenas no centro, oeste e sudoeste da Bahia, com acumulado entre 20mm e 30mm. Na maior parte do Nordeste, o tempo permanece seco e ensolarado. O calor passa a predominar em toda a região, inclusive na Bahia.

Norte
Nesta quinta, a chuva novamente atinge boa parte da região, com destaque para os temporais no norte de Rondônia e sul e sudoeste do Amazonas. As chuvas fortes podem atingir a capital Porto Velho. Por conta das chuvas fortes e constantes, a temperatura máxima entra em declínio entre o norte de Rondônia e o sul do Amazonas. Já na maior parte da região, o calor predomina.

Confira a previsão para os próximos dias

Sul
Sexta com tempo seco no Sul. O frio da madrugada aumenta ainda mais com mínima entre 3°C e 5°C entre o sul do Paraná e norte do Rio Grande do Sul. À tarde, no entanto, o calor predomina em toda a região, com máxima superior aos 32°C em algumas localidades. No sábado, o tempo ainda permanece seco em boa parte da região, mas no domingo, a formação de uma área de baixa pressão causa temporais entre o Paraná, Santa Catarina e norte do Rio Grande do Sul. Entre 22 e 26 de novembro, a previsão é do retorno do tempo seco para a maior parte da região Sul.

Sudeste
Tempo seco em boa parte do Sudeste na sexta. A chuva com baixo acumulado atinge apenas o norte do Espírito Santo e de Minas Gerais. O frio da madrugada aumenta com mínima em torno dos 10°C entre São Paulo e Minas Gerais. À tarde, no entanto, o calor predomina com máxima de mais de 32°C no Espírito Santo, Minas Gerais e noroeste de São Paulo. No sábado, a chuva isolada e com baixo acumulado atinge o oeste e norte de Minas Gerais. No domingo, no entanto, volta a chover de forma intensa e generalizada em boa parte da região, com destaque para São Paulo. Entre 22 e 26 de novembro, a chuva ainda atinge todo o Sudeste, com acumulado de mais de 150mm no Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais.

Centro-Oeste
Na sexta, a chuva retorna para parte do Centro-Oeste, atingindo o oeste de Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, centro e norte de Goiás e Distrito Federal. Apesar das chuvas mais espalhadas, não há previsão de grandes acumulados. Ainda faz frio pela manhã em partes do sul de Mato Grosso do Sul, com mínima em torno dos 10°C. Por outro lado, a máxima passa dos 35°C em partes de Mato Grosso do Sul e de Mato Grosso. No sábado, destaca-se a volta da chuva forte ao oeste de Mato Grosso do Sul, com acumulado em torno dos 40mm. No domingo, a chuva forte atinge a maior parte de Mato Grosso do Sul, com acumulado de até 60mm no sul do Estado. Entre 22 e 26 de novembro, a chuva atinge toda a região, porém os acumulados mais elevados concentram-se sobre Goiás, Distrito Federal e Mato Grosso.

Nordeste
A partir da sexta, a chuva começa a se espalhar pelo Nordeste. As precipitações atingem todo o Estado da Bahia, sertão de Sergipe e de Alagoas, centro e oeste de Pernambuco, centro/leste da Paraíba, Piauí e boa parte do Maranhão. A chuva forte, no entanto, ainda fica restrita à Bahia, chegando aos 40mm em algumas localidades do centro do Estado. Mesmo com as chuvas mais generalizadas, o calor ainda predomina em todo o Nordeste. No sábado, a chuva ganha força sobre o centro e sul do Maranhão e do Piauí, acumulando algo entre 20mm e 30mm. Também chove forte em boa parte do Estado da Bahia, com acumulado em torno dos 50mm. No domingo, a chuva forte atinge os Estados do Maranhão e do Piauí, com acumulado em torno dos 20mm. Entre 22 e 26 de novembro, a chuva forte atinge boa parte do Maranhão, Piauí e o oeste e sul da Bahia, com acumulados entre 50mm e 100mm.

Norte
Na sexta, a chuva enfraquece entre o Acre, Rondônia e sul do Amazonas. Por outro lado, os temporais passam a atingir o leste e norte do Amazonas e o sudoeste do Pará. As nuvens se espalham pela região e diminuem o calor de várias localidades. Apenas no norte do Tocantins, nordeste do Pará e no sul do Amapá, a máxima bate os 35°C. No sábado, a chuva forte atinge partes do Amazonas, com acumulado de mais de 60mm no sudeste, norte e noroeste do Estado. No domingo, a chuva diminui em boa parte do Amazonas, mas mesmo assim ainda há risco de temporais no extremo noroeste do Estado. Entre 22 e 26 de novembro, há previsão de chuvas em boa parte da região Norte, sendo que os maiores acumulados ficarão concentrados na faixa leste, entre Tocantins, Pará e Amapá.

Tags:
Fonte:
Somar Meteorologia

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário