Chuva em excesso prejudica lavouras de aveia no RS

Publicado em 04/08/2011 08:16 341 exibições
No mês de julho choveu mais de 300 milímetros na região norte do estado, 100% acima da média para o mês. Quase 30 dias após o plantio, a aveia está com 10 centímetros de altura, quando deveria estar 15 centímetros maior, conforme explica Marcos Kohlrausch, engenheiro agrônomo.

Em uma lavoura em Passo Fundo, no norte do estado, o manejo também está atrasado, a umidade no solo impede o trabalho das máquinas. Outra preocupação é com as doenças. O agricultor Rafael Tauffer reclama que este ano deve gastar só com insumo, adubo e veneno na faixa de R$ 350 por hectare.

A instabilidade prejudica a qualidade da aveia branca para o consumo humano, por isso, 90% da produção gaúcha será destinada ao consumo animal. A produção é vendida para cerealistas e criadores de gado e cavalo.

O Rio Grande do Sul responde por 62% da safra nacional de aveia. A expectativa é que a produtividade chegue a 4 mil quilos por hectare. Na safra passada, a indústria pagou R$ 390 a tonelada. Já os agricultores que produzem a aveia para o consumo animal, ganharam cerca de R$ 300 por tonelada.

Tags:
Fonte:
Globo Rural

0 comentário