Clima prejudica qualidade do trigo produzido no Paraná

Publicado em 16/08/2011 07:45 289 exibições
A estiagem de maio no norte do estado, que chegou a 35 dias, ocorreu no momento em que as sementes deveriam crescer. Em junho, veio a geada. O frio de temperaturas negativas queimou muitas lavoras.

As perdas do agricultor Cláudio Peruzzi chegam a 70%. A colheita não cobrirá nem os custos de produção. Os grãos colhidos na propriedade com cerca de mil hectares, em Cambé, no norte do Paraná, não alcançaram boa qualidade e devem ficar com preço bem abaixo do mercado na hora da venda.

A cooperativa integrada recebeu menos de 10% do previsto para a safra. O preço da saca de 60 quilos do trigo de melhor qualidade está saindo por R$ 30. Segundo o gerente de comercialização João Bosco, a maior parte da produção está muito ruim e não chega a custar R$ 10 a saca. “A gente não pode derrubar o preço do trigo em plena colheita ou na véspera. O governo tem um papel muito importante nesse sentido”, diz.

Tags:
Fonte:
Globo Rural

0 comentário