Código Florestal: Ambientalistas dão início à campanha "Veta Dilma"

Publicado em 18/01/2012 15:39 1253 exibições
A menos de dois meses da apreciação e votação do novo Código Florestal na Câmara dos Deputados - que foi aprovado no Senado em dezembro último - os ambientalistas iniciaram uma campanha chamada "Veta Dilma".

Insistindo em dizer que o projeto daria anistia aos produtores que desmataram irregularmente, o integrante do Comitê Brasil em Defesa da Floresta, criticou a proposta no programa Sustentabilidade, apresentado por Ricardo Young. "O texto faz um apagão para trás ao conceder anistia aos produtores que desmataram irregularmente e para frente não tem incentivo concreto."

Por outro lado, o presidente da Comissão do Meio Ambiente na CNA (Confederação Nacional da Agricultura), Assuero Veronez, afirmou que defende a votação do projeto o quanto antes para que não seja explorado por ambientalistas na conferência Rio +20, que acontece em junho deste ano aqui no Brasil.

Para Veronez, o texto que foi aprovado pelo Senado é o "texto possível, é conciliação". O representante da CNA disse ainda que, para ele, o Brasil deveria se orgulhar de ser um país produtor de alimentos e de ser potência ambiental.

Com informações do DiárioNet

Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

5 comentários

  • mario guimarães rio de janeiro - RJ

    A MARINA É DESONESTA. ÊSSES PSEUDOS AMBIENTALISTAS ESTÃO A SERVIÇO DE INTERESSES INCONFESSÁVEIS. MARIO GUIMARÃES advogado, economista e diretor do sindicato dos produtores rurais de bom jardim de minas (produtor rural).

    0
  • carlo meloni sao paulo - SP

    Voces sabem que Lula tirou a Marina do ministerio do MA porque a

    Dilma alegava que o MMA atrapalhava o PAC..Nao existe simpatia entre as duas.---Com a experteza de uma serpente Marina fomenta essa campanha de VETA DILMA so' para coloca-la em cheque diante

    de uma opiniao publica fabricada.Os alemaes estao comprando as antigas fazendas da Uniao Sovietica, existem 23 milhoes de hectares

    de terras fertilissimas, metade do plantado com graos no Brasil.

    A medio prazo essas terras vao entrar em produçao e este ano a Russia suspendeu as importaçoes de carne suina do Brasil.Nos

    proximos anos sera' a vez da Uniao Europea, mais terdo o Oriente.

    So' restara' ao Brasil exportar burros ecologistas.

    0
  • miguel nunes neto Guajará-Mirim - RO

    Esses ambientalóides são contra o Brasil. Deveriam ser processados por traição à Pátria Brasileira. Vamos continuar a batalhar pela aprovação do codigo florestal, que não é essa maravilha para o setor produtivo, mas é o possível no momento. A CNA precisa ser mais enfática em suas posições, a senadora Katia Abreu precisa aparecer mais, defender nossa posições, porque ela tem acesso à mídia. Miguel Nunes Neto - Engenheiro Agrônomo, Produtor Rural e Presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Guajará Mirim - Rondônia

    0
  • carlo meloni sao paulo - SP

    Dilma nunca sintonizou com Marina Silva, e este foi o motivo para

    Lula tira-la do ministerio MAmbiente.

    Para se vingar de Dilma a Marina retruca com sutileza de cobra

    arregimentando movimentos populares para colocar Dilma dentro da

    saia curta.

    0
  • Waldir Sversutti Maringá - PR

    Vendo as entidades que coordenam o comitê, pode-se avaliar o pode de fogo dessa gente, provavelmente custeadas com o dinheiro público, "do seu imposto"

    Temos que nos organizar também, através das Federações da Agricultura dos estados, CNA, SRB, e outras mais, que seja esclarecedora, para mostrar o verdadeiro objetivo dessas entidades, nossa estagnação econômica.

    Lendo seus manifestos postados em seu site, podem serem identificadas as "mentiras" que usam, tapando o sol com a peneira. Precisamos refutar ponto por ponto desse manifesto, que querem enviar à presidente Dilma,,,, VETA DILMA,,,,, como se ela não soubesse da realidade e, daquilo que é mais importante para a nação, que é a produção de alimentos. uma questão de "SEGURANÇA ALIMENTAR E COMBATE À INFLAÇÃO"

    Deixem-na, em paz !!!

    ws

    O Comitê em Defesa das Florestas e do Desenvolvimento Sustentável é coordenado por: ABONG; ABRAMPA; CNBB; Coalizão SOS

    Floresta (Amigos da Terra - Amazônia; APREMAVI; FLORESPI; Fundação O Boticário; Greenpeace; ICV; IMAFLORA; IPAM; ISA;

    SOS Mata Atlantica; WWF Brasil; Sociedade Chauá; SPVS); Comissão Justiça e Paz – CJP; CNS; Comitê Inter-Tribal; CONIC; CUT;

    FETRAF; FNRU; FASE; FBOMS;; Forum de Mudança Climática e Justiça Social; Fórum ex-Ministros Meio Ambiente; GTA; IDS;

    INESC; Instituto Ethos; Jubileu SUL; OAB; Rede Cerrado; Rede Mata Atlântica; REJUMA; Via Campesina (ABEEF, CIMI, CPT, FEAB,

    MAB, MMC, MST, MPA, MPP e PJR).

    0