Consultor defende em MT fase de transição para cumprir novo Código Florestal

Publicado em 06/09/2013 07:37
3394 exibições

O consultor jurídico da CNA, Rodrigo Justos, afirmou, na reunião da Comissão de Meio Ambiente da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato), em Cuiabá, para debater a aplicação do novo Código Florestal no Estado, que "é preciso criar uma fase de transição, de modo a não colocar o produtor na ilegalidade". Ele aponta que a implementação de disposições transitórias na nova legislação ambiental é pratica comum em medidas como essa e aumentariam a regularização no campo.

Alvo de discussões entre especialistas e produtores rurais, o novo Código Florestal levanta dúvidas nos seus mais variados aspectos, motivo que levou a Famato a propor um debate sobre as novas normas que regularizam o setor rural. Após o embate pelo desenvolvimento sustentável no campo, a luta agora é pela adequação à nova legislação ambiental.

Leia a notícia na íntegra no site do Agronotícias MT.

Fonte: Agronotícias MT

0 comentário