Feijão: Alerta para uso de pesticidas

Publicado em 23/10/2018 16:32
196 exibições
Na França, durante a SIAL, uma das maiores feiras de alimentos do mundo, o Brasil está presente com várias empresas de Arroz e Feijão. Curiosa a situação mundial sobre a segurança dos alimentos. Tanto Feijão como Arroz vêm enfrentando sérias restrições com respeito a resíduos de pesticidas. Não é por ser  do Brasil, mas há a consciência crescente de que não se pode produzir sem a necessária preocupação com os limites máximos de resíduo, bem como a aplicação de produtos somente recomendados. Resíduos de glifosato, acefato e alguns outros fungicidas têm sido encontrados com frequência em exames de laboratório. O produtor precisa estar alerta, pois muito rapidamente, tanto no Brasil como fora dele, as exigências vão aumentar muito rapidamente. Em bom português, em breve, se não houver rastreabilidade, não haverá compradores dispostos a assumir o risco. 
Sobre o mercado, enquanto sobra Feijão-carioca, com mercado lento rondando os R$ 110 no interior de São Paulo, a demanda por Feijão-vermelho aumentou este ano. O produtor que plantou estas cultivares vendeu muito rapidamente. Há empresas dispostas a fazer contratos para produção durante o ano que vem.
Fonte: IBRAFE

Nenhum comentário