WhatsApp faz toda diferença no Feijão

Publicado em 13/11/2018 15:30
216 exibições
Acompanhar minuto a minuto o que acontece no mercado de Feijão-carioca faz parte de uma realidade que nem todos conseguiram entender, como a precificação, que mudou nos últimos tempos. Quem insiste em negar o óbvio torna-se obsoleto e é motivo de piada, além de que vai ficando esquecido. Se os compradores trocam ideias, os produtores também o fazem, e há grupos com todos juntos, o que permite que em segundos as notícias de reações negativas ou positivas ganhem preponderância jamais imaginada 4 ou 5 anos atrás. É o WhatsApp que elege um presidente, derruba outro e indica de onde vem e para onde vai a informação. Ontem, mesmo sendo uma segunda-feira, foi ótimo o movimento no campo. Em Minas Gerais os produtores começaram ouvindo ofertas de R$ 115 e, já no final da tarde, recebiam ofertas de R$ 120 por saca de 60 quilogramas de Feijão-carioca nota 8/8,5. No interior de São Paulo foram reportados negócios por até R$ 140 para Feijão extra.
Fonte: IBRAFE

Nenhum comentário