Calor prejudica produção de feijão em Ponta Grossa (PR)

Publicado em 17/01/2019 13:09
266 exibições

Os agricultores de Ponta Grossa começam a calcular os prejuízos da safra de feijão. Com as altas temperaturas e pouca chuva, a produção foi afetada em todo o Paraná. A colheita do produto iniciou nessa semana já com perdas na maioria das plantações do município.

O presidente do Sindicato Rural de Ponta Grossa, Gustavo Ribas Netto, estima que em torno de 20% do que foi plantado não será possível colher. “Alguns produtores conseguiram replantar alguns hectares ainda em dezembro e assim diminuíram o prejuízo, mas a maioria deve perder uma parte significativa do que plantou”, explica. Ribas acrescenta que agricultores da região norte do estado tiveram perdas de 50% da plantação de feijão. 

De acordo com dados do Departamento de Economia Rural (Deral), mais de 40 mil hectares de feijão foram plantados em Ponta Grossa. O departamento ainda não atualizou a porcentagem final de perdas que a produção terá por conta do calor.  Os preços do produto ainda permanecem estabilizados, mas a expectativa é de que fiquem mais aquecidos com a baixa disponibilidade do produto. A saca de 60 kg de feijão cor está sendo comercializada por aproximadamente R$ 100 e o feijão preto a R$ 120.

Leia a notícia na íntegra no site Diário dos Campos

Fonte: Diário dos Campos

Nenhum comentário