Preços seguem firmes e Brasil comemoram Dia Mundial do Feijão e dos Pulses

Publicado em 11/02/2019 15:30 e atualizado em 11/02/2019 17:18
267 exibições
Os negócios que voltaram a acontecer no final de semana retomando o patamar de R$ 400 podem estar demonstrando que alguns especuladores já se desfizeram de lotes comprados por valores mais baixos ou que buscam indicar ao mercado referências mais altas de preço. Os empacotadores que fazem o dia a dia do mercado preferiram, em sua maioria, "baixar a mira", ou seja, estão buscando lotes com cor inferior e, consequentemente, preços mais baixos. Tudo faz parte do momento de pouca oferta e será assim por um longo período. Os maiores produtores do Brasil estiveram reunidos na sexta-feira e no sábado passados e constataram o que já é percebido: o volume do Feijão-carioca disponível hoje não será suficiente para abastecer o mercado até a próxima safra, mas, também, trabalham de olho em não perder a oportunidade de ir fazendo preço médio. Sabem que o consumidor deverá, em algum momento, estar pagando muito caro pelo Feijão e o preço encontrará um limite. O consumo cairá, sim, para se adequar a este patamar mais alto que é esperado de agora em diante. Ninguém acha isso positivo para a cadeia produtiva, mas é a realidade da conhecida oferta e demanda. 
Também neste final de semana, mais precisamente ontem, dia 10, foi comemorado o Dia Mundial do Feijão e dos Pulses. Foi comemorado durante a semana passada com as seguintes ações:
Exposição de vídeos nas TVs de ônibus do transporte público de Curitiba, atingindo cerca de 900.000 pessoas por dia.
Dia 06 de fevereiro – restaurantes populares de Curitiba, PR, serviram mais de 4.000 refeições com Grão-de-bico, ingrediente usado pela primeira vez para população de baixa renda.
Dia 08 de fevereiro – degustação de salada de Feijões rajados, vermelhos e caupis na Praça Osório, Curitiba, PR.
Dia 08 de fevereiro – evento técnico que reuniu produtores do noroeste de Minas Gerais, em Paracatu, MG, com incentivo ao plantio de Pulses.
Dias 06 e 09 de fevereiro – divulgação dos Pulses no Mercado Municipal de Curitiba, PR, com aulas-show de chefs de cozinha.
Dia 09 de fevereiro – reunião com os principais produtores de Feijão do Brasil, em especial de Goiás e de Minas Gerais, em Paracatu, MG.
Dia 11 de fevereiro – coletiva de imprensa com degustação de alimentos a base de farinhas de Grão-de-bico e feijões em Curitiba, PR.
Fonte IBRAFE

Nenhum comentário