Feijão: O humor dos produtores mudou

Publicado em 17/04/2019 15:30 e atualizado em 17/04/2019 17:46
517 exibições
O interesse em vender, por parte dos produtores, diminuiu muito ontem. Com as notícias do volume de chuvas que têm atingido o estado de São Paulo já há indícios de que poderão ocorrer perdas importantes das áreas recém-plantadas naquela região. Ainda que se trate de Feijão que seria colhido em 90 dias, o humor dos produtores em geral muda. Neste momento, soma-se o fato de que há poucas informações mais consistentes sobre o volume que realmente poderá ser colhido de agora até 15 de maio. Se não bastasse, alguns especuladores, que costumam errar grosseiramente, afirmam que os preços tendem a cair imediatamente e acabam por reafirmar a postura mais cautelosa do produtor. Com isso, continuam acontecendo vendas, mas de volumes menores. Quem detém algum volume prefere agora vender mais lentamente. Novamente ocorreram negócios no Paraná, de Feijão-preto, entre R$ 150/160. Já o Feijão-carioca foi negociado até R$ 260 em Goiás.
Fonte: IBRAFE

0 comentário