Após denúncias de suspensão, Brasil reafirma comércio avícola com a Venezuela

Publicado em 18/06/2012 09:54 404 exibições
O presidente executivo da União Brasileira de Avicultura (Ubabef), Francisco Turra, foi informado hoje pelo embaixador do Brasil em Caracas (Venezuela), que são inverídicas as afirmações de que o governo venezuelano suspenderia as importações de frango brasileiro."A produção avícola venezuelana está crescendo, mas os embarques brasileiros continuarão nos mesmos níveis.  O Brasil tem capacidade para fornecer o produto com regularidade àquele mercado e continuará a contribuir com a segurança alimentar ao país vizinho", ressalta Turra.
A suposta suspensão, conforme divulgado na mídia venezuelana, seria adotada como estímulo à produção local.  Entretanto, segundo general Carlos Osório, ministro da Alimentação da Venezuela e presidente da La Casa (estatal venezuelana importadora de carne de frango do Brasil),as importações do produto avícola brasileiro serão mantidas.
O presidente da Ubabef explica que houve queda de 17,1% nas exportações brasileiras de carne de frango entre janeiro e maio deste ano na comparação com o mesmo período do ano passado, totalizando 48,5 mil toneladas.Essa redução é resultado de dificuldades 
logísticas enfrentadas no início de 2012."O Brasil é o maior exportador de carne de frango para Venezuela e tem a confiança deste mercado. Somos vizinhos e parceiros comerciais. Conforme afirmou o ministro Osório, esta excelente relação segue firme. E, mais uma vez, a nossa Embaixada em Caracas se mostrou atenta e proativa às questões relacionadas ao frango brasileiro",  destaca.

Com informações do site da Ubabef
Tags:
Por:
Thaís Jorge
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário