Suínos: Cotações do animal vivo e da carne seguem em queda

Publicado em 15/05/2014 10:05 312 exibições

O setor suinícola brasileiro avança o mês de maio com baixa liquidez e preços em queda tanto para o animal vivo como para a carne. De acordo com pesquisadores do Cepea, a expectativa é que, na primeira quinzena de junho, além do típico aquecimento das vendas, a proximidade da Copa do Mundo favoreça o consumo no atacado e varejo, o que pode alavancar as cotações dos produtos. De modo geral, o Dia das Mães contribuiu para ampliar as vendas de cortes específicos em alguns dias; para as carcaças, as compras até aumentaram, mas não como o esperado, o que, somado aos estoques relativamente elevados, fizeram com que os preços seguissem em baixa. Pesquisadores indicam que as quedas só não foram maiores por conta do bom desempenho das exportações brasileiras de carne suína in natura, que vêm aumentando mês a mês desde o início do ano.

Tags:
Fonte:
Cepea

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário