Desempenho do frango vivo no primeiro decêndio de novembro

Publicado em 12/11/2018 08:40
39 exibições

Se já houve registros do gênero no setor, com certeza são bastante raros. Pois, pelo menos nos últimos tempos, não há notícias de que o frango vivo tenha enfrentado queda de cotação nos primeiros dez dias do mês, época de maior movimentação econômica do período devido à chegada da massa salarial ao mercado.

Pois isso aconteceu em novembro, pelo menos para o frango vivo comercializado no interior paulista: na quarta-feira, dia 7, enquanto as cotações do frango abatido seguiam sua marcha ascendente habitual – na sexta-feira, 9, decorridos apenas seis dias de negócios no mês, o produto registrava valorização de mais de 6% em relação ao fechamento de outubro – a cotação do frango vivo sofria redução de 10 centavos, com o que o setor passou a ter como referência máxima no restante da semana a cotação de R$3,00/kg.

Rememorando, esse é o mesmo referencial com o qual o setor conviveu neste ano por mais de dois meses, entre junho (logo após superados os efeitos da greve dos caminhoneiros) e o início de setembro (ocasião em que começou novo processo de altas e se atingiu a maior cotação do ano). 

Leia a notícia na íntegra no Avisite.
 

Tags:
Fonte: Avisite

Nenhum comentário