Suínos: Cotações seguem em níveis baixos

Publicado em 18/06/2010 13:16 238 exibições
O clima mais frio, que usualmente estimula o consumo da carne suína, não tem influenciado as cotações do setor. De acordo com agentes consultados pelo Cepea, a relativa estabilidade dos preços do suíno vivo e da carne em níveis baixos não deve ser atribuída ao excesso de oferta. Para os vendedores, o problema seria a baixa demanda. Em boa parte das praças pesquisadas pelo Cepea, nos últimos dias, há poucas variações nos preços do vivo e da carcaça comum. Além disso, a relação de troca de carne por milho piorou para o suinocultor paulista. Em Campinas (SP), nos patamares atuais, cerca de 8 quilos de milho podem ser adquiridos com o equivalente a 1 quilo de suíno vivo. A relação é 11% menor que a de um ano atrás. A queda no preço do farelo de soja, no entanto, favoreceu o poder de compra do suinocultor daquela região. Em um ano, a melhora é de quase 43%, com 1 quilo de vivo equivalendo, agora, a 4,48 quilos de farelo.
Tags:
Fonte:
Cepea/Esalq

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário