Indústria avícola cobra isonomia fiscal do RS

Publicado em 16/08/2010 08:26 254 exibições
Depois de cinco meses de negociação com o governo estadual para obter isonomia fiscal nas vendas de carne dentro e fora do Rio Grande do Sul, os avicultores esperam dar um ponto final nas discussões hoje(16), em reunião com o secretário da Fazenda, Ricardo Englert. "Queremos equilíbrio porque o setor vem perdendo espaço no mercado brasileiro há alguns anos", pondera o secretário-executivo da Asgav, José Eduardo dos Santos. As demandas estão ligadas ao cenário desfavorável em relação a Santa Catarina e ao Paraná, também grandes produtores de aves. Atualmente, a alíquota de ICMS para comercialização interna da carne no RS é de 7%, em Santa Catarina, de zero, e no Paraná, de 1%. "Já foi concedida redução de bases, mas o pedido é para ampliar. Então, vamos conversar e tentar definir uma solução", destaca Englert.

A Asgav estima que 45% da carne de frango consumida no RS provém de outros estados, que têm mais incentivo de tributos. "Buscamos somente isonomia fiscal e melhores condições de competitividade, contribuímos de forma expressiva com a economia do Estado. Mas agora, em caráter emergencial, precisamos de amparo", diz o presidente da Asgav, Luiz Fernando Ross.

Tags:
Fonte:
Correio do Povo

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário