Campanha pretende aumentar consumo de carne suína no Brasil

Publicado em 01/09/2010 11:25 305 exibições
Para desmistificar os preconceitos que cercam o consumo da carne de porco no País e, assim, aumentar o seu consumo, foi assinado ontem em Esteio o protocolo de cooperação para implantação do Projeto Nacional de Desenvolvimento da Suinocultura no Estado. O objetivo é aumentar o consumo anual em pelo menos dois quilos per capita.

“É pouco mas já é um começo, principalmente para a cadeia produtiva”, avaliou o secretário da Agricultura, Gilmar Tietböhl. Para isto, serão investidos R$ 9 milhões em três anos na promoção da carne suína via informação, palestras, seminários e ações em universidades. De acordo com o presidente da Associação dos Criadores de Suínos do Rio Grande do Sul (Acsurs), Valdecir Luis Folador, o aumento de consumo impactaria diretamente na economia nacional, com a geração de empregos, venda de insumos e equipamentos, entre outros benefícios. As estimativas dão conta de que o País lucraria R$ 22,4 milhões por ano caso o brasileiro passasse a consumir mais carne suína.

Hoje o consumo anual da carne de porco é de 13 kg no Brasil, baixo se comparado à carne bovina e de frango, que ficam em torno de 38 kg. No Rio Grande do Sul, o consumo per capita de carne suína é de 22 kg, acima da média nacional. “É uma questão de colonização. O Sul é a maior região consumidora pela presença germânica”, justifica Folador. O protocolo de intenções foi assinado entre a Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS), Confederação Nacional da Agricultura (CNA), Sebrae-RS e Acsurs.

Tags:
Fonte:
Jornal do Comércio

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário