Custo do frango pode variar quase 60% de um estado para outro

Publicado em 01/10/2010 09:50
299 exibições
O levantamento da Embrapa Suínos e Aves sugere que o custo de um quilo de frango, conforme o estado em que seja produzido, pode variar até 60%.
O levantamento relativo ao mês de junho de 2010, por exemplo, mostra que o menor dispêndio entre os sete estados enfocados foi registrado no Paraná, onde o custo de produção variou de um mínimo de R$1,2404/kg a um máximo de R$1,2889/kg, conforme o tipo de aviário utilizado.

Seria de se supor que os custos máximos estariam no Norte ou Nordeste do País. Mas, pelo levantamento, constata-se que o campeão de custo é o Mato Grosso do Sul, onde a produção de um quilo de frango varia entre R$1,9798 e R$2,0381 na média, 59% a mais que no estado vizinho, o Paraná.

Vários fatores contribuem para essa diferença. Mas o principal deles está na ração, cujo preço no Mato Grosso do Sul ficou 91% acima daquele registrado no Paraná. Como resultado dessa diferença, enquanto entre os produtores paranaenses a ração corresponde a 61% do custo de produção do frango, entre os sul-mato-grossenses a participação da ração sobe para 74%.
Porém, Mato Grosso do Sul tem companhia no próprio Centro-Oeste, já que a segunda ração mais cara é a de Goiás. Em decorrência, entre os goianos (e considerado um aviário convencional), o custo de produção de um quilo de frango é maior do que o observado no Ceará.
Tags:
Fonte: AviSite

Nenhum comentário