Costa do Marfim abre mercado para frango brasileiro

Publicado em 02/12/2010 06:46 192 exibições
 A Costa do Marfim, localizada no oeste africano, é o mais novo mercado aberto para as exportações brasileiras de frangos. A informação foi repassada à União Brasileira de Avicultura (UBABEF), na sexta-feira (26-11), em Brasília (DF), durante reunião com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). País de língua francesa, com tamanho equivalente ao estado de Goiás e população estimada de 16,7 milhões de habitantes (26% destes, estrangeiros, segundo dados da embaixada do país no Brasil), a Costa do Marfim registra crescimento médio demográfico de 3,9% ao ano. Segundo o presidente executivo da UBABEF, Francisco Turra, com a abertura desse novo mercado, o Brasil reforçará ainda mais sua presença em território africano, que tem registrado taxas de crescimento que fizeram superar em 2010 a União Européia como terceiro maior destino das exportações de frangos.

"Apenas entre janeiro e outubro deste ano, embarcamos para o continente africano 409 mil toneladas, com crescimento de 17,6% no comparativo ao mesmo período de 2009. Há um grande potencial a ser explorado nesse mercado,reforçado agora pela Costa do Marfim, em que o Brasil busca cada vez mais se firmar como parceiro em prol da segurança alimentar dos países da África", explica Turra.

Outros mercados abertos - Na avaliação do Presidente Executivo da UBABEF, a parceria entre setores público e privado e os esforços brasileiros para a expansão internacional da avicultura brasileira foram decisivos para a abertura de novos mercados em 2010.

Além da Costa do Marfim, estão entre os mercados abertos neste ano para a carne de frango do Brasil Uruguai, Turquia, São Vicente e Granadinas, para carne in natura, e a Argélia, para termo processada. Há ainda negociação em andamento com vários outros potenciais importadores do produto brasileiro. "Estes novos mercados representam avanços estratégicos em nossa atuação comercial e deverão contribuir ainda mais para o incremento das exportações de frangos nos próximos anos", ressalta Turra. Com informações da UBABEF.

Tags:
Fonte:
Só Notícias

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário