Vendas externas de frango crescem em volume, preço e receita cambial

Publicado em 04/04/2011 09:34 203 exibições
Não foi um recorde. Mas em toda a história das exportações de carne de frango in natura, em apenas três outras ocasiões o embarque mensal superou as 312 mil toneladas, marca atingida em março passado e que representou aumento de 16,27% e 1,98% sobre, respectivamente, o mês anterior e o mesmo mês do ano passado.

Por sua vez, o preço médio registrado – US$ 1.925,02 por tonelada – ainda não está entre os melhores. Mas além de ser 2,93% e 18,93% superior aos registrados em fevereiro de 2011 e em março de 2010, é apenas 6% inferior ao valor recorde atingido em agosto de 2008 – US$2.040,65 por tonelada.

A resultante desses dois fatores positivos só poderia ser uma boa receita cambial. E, efetivamente, pela segunda vez na história, as exportações brasileiras de carne de frango superam a marca dos US$600 milhões em um único mês, aumentando ao redor de 20% tanto em relação ao mês anterior como ao mesmo mês do ano passado.

Efetivamente, só em agosto de 2008 (quando obteve seu melhor preço médio) é que a receita cambial da carne de frango in natura ficou acima dos atuais US$601,2 milhões. Mas a diferença, agora, não é muito superior a meio por cento, pois então a receita cambial do produto ficou em US$605,362 milhões. Ou seja: o velho recorde está em vias de ser superado.

Tags:
Fonte:
AviSite

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário