Em São Paulo, frango vivo chega aos R$2,00/kg; em Minas, a R$2,10/kg

Publicado em 03/08/2011 08:40 229 exibições
O frango vivo criado e disponibilizado especificamente para venda no mercado independente contínua insuficiente para o atendimento da demanda. Em decorrência, ainda que a demanda pela ave abatida só agora comece a se intensificar, o produto vem sendo intensamente disputado pelos abatedouros.

O resultado é que, ontem (2), pelo segundo dia consecutivo neste mês, a remuneração oferecida veio acompanhada de novo ajuste de cinco centavos, comportamento que se repetiu no interior de São Paulo e em Minas Gerais. Assim, o frango paulista foi comercializado por R$2,00/kg, enquanto o mineiro chegava aos R$2,10/kg, mantendo a diferença de 10 centavos observada desde a semana passada em comparação ao produto de São Paulo.

Em relação ao valor recebido 30 dias atrás - ocasião em que o frango vivo foi comercializado por R$1,70/kg nas duas praças - registra-se no momento valorização de 17,6% em São Paulo e de 23,5% em Minas Gerais. Mas em ambas o produto continua com valor inferior àquele registrado em duas ocasiões no corrente exercício: nos primeiros dias de 2011 e, novamente, entre os meses de fevereiro e março – ou, respectivamente, R$2,10/kg e R$2,25/kg.

À guisa de informação adicional registre-se que o valor aparentemente alto alcançado pelo frango vivo neste momento não tem nada de excepcional. Até pelo contrário. Pois, por exemplo, o valor de R$2,00/kg vigente em São Paulo está apenas 2,5% acima daquele alcançado pelo produto três anos atrás. Isto é: em agosto de 2008 o produtor paulista recebeu na maior parte do mês remuneração da ordem de R$1,95/kg. E, lá, o milho tinha um preço bem menos indigesto do que atualmente.

Tags:
Fonte:
AviSite

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário