DairyCo prevê melhoria dos preços internacionais e crescimento dos EUA em leite em pó desnatado

Publicado em 24/08/2011 08:13 153 exibições
As últimas previsões de produção de leite feitas pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) em julho mostraram mudanças limitadas com relação à última previsão feita em dezembro, disse a associação comercial do Reino Unido, DairyCo.

As previsões de produção de leite em 2011 para a União Europeia (UE-27) e os Estados Unidos aumentaram levemente com relação àquelas feitas em dezembro, com os maiores preços do leite citados como razão. Entretanto, a DairyCo afirma que os maiores custos dos insumos, particularmente para os alimentos animais, parecem ser uma importante preocupação; apesar de na UE-27 os maiores custos terem até agora sido compensados pelas melhorias nas eficiências.

Em contraste, a previsão para a Nova Zelândia foi revisada para baixo, mas ainda mostra um aumento de 5% comparado com 2010.

Com maior previsão de produção de leite, as exportações de produtos lácteos pelos cinco principais exportadores (Argentina, Austrália, UE-27, Nova Zelândia e Estados Unidos) deverão aumentar em 2011, com maiores aumentos para leite em pó desnatado (11%) e leite em pó integral (4%) devido à forte demanda da Ásia.

Os Estados Unidos deverão produzir 0,89 milhões de toneladas de leite em pó desnatado em 2011 e exportar quase metade disso, cerca de 414.000 toneladas, 8% a mais que em 2010. A DairyCo afirma que isso tornará os Estados Unidos no único grande país exportador de leite em pó desnatado pelo segundo ano consecutivo e somente 36.000 toneladas a menos do que as exportações previstas de leite em pó desnatado de toda a UE-27.

Os maiores níveis de comércio dos Estados Unidos significarão uma maior competição, que poderá adicionar pressão aos preços. Uma das maiores cooperativas de lácteos dos Estados Unidos, a Dairy America, começará a vender produtos lácteos através do sistema de leilão da Fonterra a partir de outubro, com o leite em pó desnatado sendo o primeiro produto a ser oferecido.

A previsão incerta sobre a economia global também deverá significar que os preços permanecerão voláteis. Entretanto, a forte demanda por leite em pó integral da China e os maiores custos dos alimentos animais que poderão impactar na oferta sugerem que a previsão ainda é bastante positiva.

Tags:
Fonte:
MilkPoint

0 comentário