Uruguai nega que aceita definir cotas de importação de lácteos pelo Brasil

Publicado em 31/08/2011 08:20 381 exibições
A imprensa brasileira publicou na semana passada que o Uruguai tinha aceitado começar a negociar para definir cotas de exportação de lácteos ao Brasil, mas fontes vinculadas ao Governo uruguaio e outras do setor privado consultadas pelo jornal El País negaram terminantemente e disseram que a notícia era "falsa".

Segundo a notícia publicada no periódico uruguaio, não é a primeira vez que o Brasil pressiona as empresas uruguaias e o próprio Governo para que firme um acordo de cotas de vendas de leite em pó e, inclusive, em outras oportunidades, chegou a criar normas que impediram a entrada do produto no mercado.

O Governo brasileiro utilizou os embargos ao leite para negociar com o presidente da República uruguaio, José Mujica, a entrada de frangos ao mercado uruguaio. Esse objetivo foi alcançado e, inclusive, foi fechado um acordo de uma cota de carne aviária que está operacional. Desde então, as exportações de lácteos se fazem com fluidez a um mercado que é fundamental para as empresas uruguaias.

Entre janeiro e julho de 2011, o Brasil importou 201 milhões de litros de leite só do Uruguai; as vendas aumentaram em 121% com relação ao mesmo período de 2010. A Argentina já tinha se submetido à determinação de cotas, mas o acordo venceu e ainda assim conseguiu colocar 383 milhões de litros, com um aumento nas vendas de 68% (com relação ao ano anterior). Os dois países representam 90% das importações do setor.

"O Brasil será auto-suficiente em leite a partir da primavera e, certamente, o fluxo exportador do Uruguai e da Argentina baixará bastante", disse o presidente da Associação Nacional de Produtores de Leite (ANPL), José Alpuin. As associações de produtores admitem que a pressão sobre o Uruguai já estava presente há uns três meses. Por outro lado, o "Uruguai não tem o mesmo peso comercial que a Argentina", de forma que "seguimos tendo a esperança de que não se barrem as exportações".

Além do leite em pó, o Uruguai vende ao Brasil alguns tipos de queijos e outros produtos, como doce de leite. A reportagem é do El País Digital.

Tags:
Fonte:
MilkPoint

0 comentário