Desempenho estadual na exportação de carne de frango

Publicado em 16/09/2011 11:19 318 exibições
Nos oito primeiros meses de 2011, apenas uma unidade federativa exportadora registrou resultados negativos em relação ao mesmo período de 2010. Isso, quer no volume embarcado, quer na receita cambial. Foi o Distrito Federal, cujo volume recuou 36,7%, daí resultando queda de 31,2% na receita cambial.

Outra exceção – porém apenas quanto ao volume – ocorreu no Rio Grande do Sul: seus embarques no ano são 4,6% menores que os dos mesmos oito meses de 2010. A receita, porém, permanece com evolução positiva. Junto com Santa Catarina e Paraná, o estado respondeu por 72,8% da receita cambial obtida pela carne de frango brasileira no período.

Na relação abaixo, compilada dos dados da SECEX/MDIC, uma novidade em relação a meses anteriores: a presença de uma 15ª UF exportadora, no caso o estado do Pará. Mas o volume embarcado através dos portos paraenses é ínfimo frente aos (quase) 2,6 milhões de toneladas exportadas no período, indo pouco além de uma tonelada. A receita FOB, por sua vez, gira em torno dos US$3 mil.

Tags:
Fonte:
Avisite

0 comentário